Início / Agricultura / OE 2021. PSD Açores exige “solução política” para cortes no POSEI na Região

OE 2021. PSD Açores exige “solução política” para cortes no POSEI na Região

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O deputado do PSD Açores na Assembleia da República António Ventura exigiu hoje, 10 de Novembro, do Governo uma “solução política” que compense a Região pelos cortes propostos pela Comissão Europeia no programa POSEI.

“Existe já um défice de 10 milhões de euros no POSEI e a Comissão Europeia pretende fazer um corte adicional de 3,9%. Há um compromisso do primeiro-ministro, desde 2016, de criação de um envelope financeiro adicional, no âmbito do POSEI. Este compromisso do Governo da República tem de ser cumprido”, afirmou o parlamentar social-democrata açoriano.

Audição à ministra da Agricultura 

António Ventura, que falava numa audição à ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes, no âmbito do debate na especialidade da proposta do Orçamento do Estado para 2021 (OE 2021), salientou que, face ao compromisso do primeiro-ministro em relação ao POSEI, “exige-se uma solução política para o problema”.

“O OE 2021 vai prever a ajuda necessária, através de um envelope financeiro complementar para o POSEI? Ou vai ser criado um programa adicional? O que não pode acontecer é não haver uma ajuda da República aos Açores, pois há um compromisso do primeiro-ministro nesse sentido”, sublinhou o deputado.

De acordo com o deputado social-democrata, “é urgente que se tome uma posição firme, face ao que pode vir a ser um cenário muito difícil para todos os produtores agrícolas dos Açores”.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Cuidado com a queima de sobrantes florestais. GNR identifica homem de 78 anos por incêndio em Vila Real

Partilhar              O Comando Territorial de Vila Real da Guarda Nacional Republicana (GNR), através do Núcleo de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.