Início / Agricultura / Nuno Russo: “o azeite é um dos produtos que leva o nome do nosso País além-fronteiras”

Nuno Russo: “o azeite é um dos produtos que leva o nome do nosso País além-fronteiras”

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O secretário de Estado da Agricultura e Desenvolvimento Rural inaugurou hoje, 6 de Dezembro, o primeiro festival do azeite, em Pernes, Santarém. Nuno Russo começou por dizer que “o azeite é um dos produtos nacionais que leva o nome do nosso País a muitas mesas além-fronteiras”, destacando que “este festival traduz bem o espírito que queremos manter desperto na nossa agricultura: um espírito empreendedor, criativo, empenhado em valorizar os produtos endógenos, aqueles que nos distinguem e projectam.

Este festival, organizado na região dos azeites DOP do Ribatejo, representa uma ponte perfeita entre a tradição e a inovação”.

Para Nuno Russo não há dúvidas de que “a agricultura faz parte da resposta aos grandes desafios que definimos para os próximos quatro anos de governação. Ao reforçarmos o carácter sustentável da nossa agricultura, estamos a procurar o crescimento, estamos a trazer inovação, tecnologia e empreendedorismo, estamos a apostar na internacionalização do sector, estamos a valorizar a actividade agrícola, o espaço rural e o território nacional”.

Desenvolvimento nacional

O membro do governo apela para que o País continue a seguir este caminho e que se promovam iniciativas como esta: “só assim promoveremos a fixação das pessoas, o seu bem-estar, a atracção do investimento, a criação de emprego e um real progresso que todas e todos sintam realmente nas suas vidas, no seu dia a dia”.

“A iniciativa local, espelhando a diversidade do nosso País, é um contributo essencial e de valor inestimável para o desenvolvimento nacional. Sendo Portugal apontado como um dos países com mais potencial no sector do azeite, não poderíamos hesitar nesta ambição: queremos continuar a crescer e temos a certeza de que os nossos produtores estão prontos para connosco, enfrentarem os desafios que se adivinham.”, sustentou Nuno Russo.

E adiantou que é “por tudo isto que defenderemos uma Política Agrícola Comum (PAC) pós 2020 mais justa e inclusiva, preocupada com a preservação dos recursos naturais e que represente uma resposta concertada para a mitigação e adaptação às alterações climáticas”.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Ambição Agro 2020-30. António Costa: “robustecer sector agrícola nacional é fundamental para recuperar economia”

Partilhar            O primeiro-ministro António Costa afirmou que para recuperar e a economia e torná-la mais resiliente …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.