Início / Empresas / Novo Banco disponibiliza cerca de 150 M€ da linha de crédito Covid-19

Novo Banco disponibiliza cerca de 150 M€ da linha de crédito Covid-19

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Novo Banco irá disponibilizar os primeiros 150 milhões de euros a empresas no âmbito da linha capitalizar Covid 19. Hoje, 8 de Abril, o CEO do banco, António Ramalho, visitou a empresa Aqueciliz, uma pequena e média empresa (PME) sediada na Caranguejeira, Leiria, que inaugurou as utilizações da linha Covid 19 e que já tem o dinheiro na conta.

A Aqueciliz, que factura cerca de 8 milhões de euros, dedica-se à instalação eléctrica e de climatização de edifícios, especialmente industriais e sociais, e emprega 85 colaboradores com equipes técnicas espalhadas por todo País.

O CEO do Novo Banco evidenciou a “forma exemplar como as equipas comerciais do banco estiveram desde o primeiro momento no terreno”, a explicar aos clientes o acesso as linhas de apoio Covid-19.

Simplificação de processos

Além de ter destacado “a forma empenhada e exemplar como as estruturas centrais do banco conseguiram operacionalizar as propostas entradas em pipe-line”. Através da simplificação do processo e a introdução de alterações digitais em colaboração com as Sociedades de Garantia Mútua permite reduzir os tempos de disponibilização dos fundos de 67 dias (média de 2019) para 20 dias no actual momento.

Reforço do fundo de maneio

O recurso a esta linha, segundo o presidente da Aqueciliz, Filipe Carreira, permitirá “um importante e desejado reforço do fundo de maneio” da empresa nesta fase, garantindo o “regular cumprimento das suas responsabilidade, nomeadamente salários e fornecedores estratégicos, permitindo a retenção dos colaboradores e a continuidade do desenvolvimento das relevantes obras em curso”.

Com uma dotação de 400 milhões de euros para “Fundo de Maneio” e “Plafond Tesouraria”, a linha de Crédito Capitalizar 2018 | Covid-19, foi lançada pelo Governo em associação com o Sistema Nacional de Garantia Mútua com vista a apoiar as empresas e negócios cuja actividade se encontra afectada pelos efeitos económicos resultantes do surto.

150 milhões de euros

O Novo Banco anunciou que, nos próximo dias, irá disponibilizar cerca de 150 milhões de euros aos seus clientes provenientes desta linha de 400 milhões. Todos estes processos estão já em fase final de assinatura (digital) com os clientes.

A afectação de verbas será efectuada tendo em consideração a respectiva utilização, numa lógica de first come first serve, num montante máximo por empresa de 3 milhões de euros, com dotações específicas de 1,5 milhões de euros para fundo de maneio e 1,5 milhões de euros para plafond de tesouraria.

Estão disponíveis também 3 mil milhões de euros em linhas sectoriais: 600 milhões de euros para restauração e similares; 200 milhões de euros para turismo – agências de viagens; animação; organização de eventos e similares; 900 milhões de euros para turismo – empreendimentos e alojamentos; e 1.300 milhões de euros para indústria – têxtil, vestuário, calçado, indústrias extractivas (rochas ornamentais) e da fileira da madeira e cortiça.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Museu Virtual da Memória Marítima de Viana do Castelo inaugurado no navio Gil Eannes

Partilhar            O Museu Virtual da Memória Marítima de Viana do Castelo foi inaugurado na ré do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.