Início / Agricultura / Nestlé prevê entrega de 10 toneladas de borras de café para adubo em 2022

Nestlé prevê entrega de 10 toneladas de borras de café para adubo em 2022

O Programa Café Circular, uma iniciativa da Nestlé Professional, está a disponibilizar borras de café, de forma totalmente gratuita, para que o consumidor lhes possa dar utilização como adubo, com vista a um bom desenvolvimento das plantas.

Até agora já foram oferecidas cerca de 3 toneladas de borras de café, podendo este número alcançar as 10 toneladas até ao final do ano, diz Pedro Sampaio, Nestlé Professional Brand Manager, em entrevista à Revista Agricultura e Mar.

Entrevista a Pedro Sampaio, Nestlé Professional Brand Manager

Para quem não conhece, o que nos pode dizer sobre o Programa Café Circular da Nestlé?

O Programa Café Circular é uma iniciativa da Nestlé Professional e tem como objectivo disponibilizar borras de café de forma totalmente gratuita para que o consumidor lhes possa dar utilização com vista a um bom desenvolvimento das plantas.

Pedro Sampaio

Este é um projecto que pretende incentivar a reutilização e reduzir o desperdício, que, neste caso, pode ser redireccionado para o cuidar da natureza e da biodiversidade, uma vez que as borras podem contribuir para equilibrar as características físicas, químicas ou biológicas dos solos, com vista a um bom desenvolvimento das plantas.

Como está a correr a iniciativa?

Está a correr muito bem, com uma excelente receptividade por parte dos consumidores que têm acorrido aos estabelecimentos aderentes para aí levantarem gratuitamente os sacos com borra dos cafés, das marcas Sical, Buondi, Tofa, Christina e Nescafé, todas elas produzidas na fábrica de cafés torrados do Porto.

Em quantas lojas é possível levantar as borras?

Nesta fase o programa já está a decorrer em cerca de 120 estabelecimentos aderentes, essencialmente cafetarias, mas não só, um pouco por todo o País (lista de lojas aqui)

As borras são de que cafés?

As borras disponibilizadas provêm dos cafés servidos sob as marcas Sical, Buondi, Tofa, Christina e Nescafé.

Qual a quantidade de borras já entregues?

Estimamos que já tenham sido oferecidas cerca de 3 toneladas de borras de café, podendo alcançar as 10 toneladas até ao final do ano.

Quanto investiu já a empresa neste projecto? As borras são gratuitas, mas a embalagem e distribuição…

As borras são disponibilizadas de forma totalmente gratuita e encontram-se em cada loja dentro de uma caixa perfeitamente identificada com informação sobre o projecto. Aliás, a reutilização é a palavra-chave deste projecto, uma vez que também as embalagens onde a borra está acondicionada são as do próprio café, que depois de vazias ganham também uma segunda vida. São os nossos parceiros das lojas aderentes quem coloca a borra nas embalagens e as deixa na caixa para que os consumidores desses espaços comerciais as possam retirar.

Este projecto destina-se apenas aos particulares. Há alguma possibilidade de esta iniciativa avançar, por exemplo, como apoio aos pequenos agricultores ou à Agricultura Familiar? Ainda mais numa altura em que o preço dos fertilizantes não para de subir.

Sim, de momento, este é um projecto de índole particular e que está disponível loja a loja, em embalagens que podem conter até um kilo de borra de café. Não está contemplada uma utilização em maiores quantidades. O que consideramos sim é o alargamento desta iniciativa a mais lojas dentro da nossa rede de parceiros do canal fora do lar.

Neste momento a iniciativa foi também alargada ao festival Rock in Rio, onde a marca Buondi é o café oficial e boa parte da borra resultante do consumo de café durante o festival será doada ao Parque da Bela Vista para ser utilizada no bom desenvolvimento daquele imenso espaço verde da cidade de Lisboa.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Cotações – Cereais – Informação Semanal – 13 a 19 Junho 2022

Partilhar              Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas Cereais Outono-Inverno Esta semana foi dada …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.