Início / Agricultura / Moita: Projecto Agricultura Biológica e Compostagem na Escola tem novo formato adaptado à pandemia

Moita: Projecto Agricultura Biológica e Compostagem na Escola tem novo formato adaptado à pandemia

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Município da Moita promove o projecto Agricultura Biológica e Compostagem na Escola, nos estabelecimentos de ensino públicos do 1º ciclo e jardins-de-infância, há mais de 20 anos. Devido à situação de pandemia e para salvaguardar a saúde e segurança de alunos, professores e técnicos da autarquia, a Câmara Municipal da Moita fez algumas alterações e, em vez das habituais visitas dos técnicos da autarquia a cada turma, são disponibilizados vídeos temáticos direccionados aos alunos.

“Desta forma, e graças ao envolvimento dos professores e educadores, tem sido possível continuar a transmitir aos alunos do concelho a importância da reciclagem dos resíduos orgânicos e os benefícios dos produtos biológicos para a saúde e ambiente”, refere uma nota de imprensa da autarquia.

Agricultura Biológica e Compostagem na Escola é um projecto anual que consiste no desenvolvimento de uma horta biológica e compostagem de resíduos orgânicos nos estabelecimentos escolares

Nos vídeos temáticos (ver aqui), por cada fase de trabalhos na horta, há uma história contada através de um livro pop-up, criado em exclusivo para este projecto, com a colaboração de Andreia Gomes, artista residente na Moita.

No presente ano lectivo, participam neste projecto 24 turmas do 1º ciclo, 24 salas de jardim-de-infância e duas de ensino especial, envolvendo mais de 1000 crianças e meia centena de docentes.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

José Fernandes Pereira é o novo presidente da Comissão Vitivinícola Regional Távora-Varosa

Partilhar            José Fernandes Pereira é o novo presidente da direcção da Comissão Vitivinícola Regional Távora-Varosa – …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.