Início / Agenda / Ministro do Mar participa no Fórum Mundial do Mar, na Tunísia, dedicado à protecção do mar Mediterrâneo

Ministro do Mar participa no Fórum Mundial do Mar, na Tunísia, dedicado à protecção do mar Mediterrâneo

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O ministro do Mar, Ricardo Serrão Santos, vai participar, na sessão de abertura da 4ª edição do Fórum Mundial do Mar, em Bizerte, na Tunísia, que decorre a 24 e 25 de Setembro, e onde será endossado o Plano de Acção “O Mediterrâneo – um mar modelo até 2030” (PAMEx), que visa inverter a alarmante perda da biodiversidade marinha neste mar.

Esta edição do Fórum Mundial do Mar tem como temas principais os projectos de protecção do mar Mediterrâneo e o compromisso da União Europeia com os oceanos, através da Missão Starfish. Será também a ocasião para anunciar a criação do Parlamento Mediterrânico do Mar, que reunirá representantes eleitos dos vários países ao longo da costa mediterrânica.

Na sessão de abertura participarão o Príncipe do Mónaco, Alberto II, a ministra do Mar francesa, Annick Girardin, o secretário-geral da União para o Mediterrâneo, Nasser Kamel, o ministro do Equipamento, Habitação e Infra-estruturas da Tunísia, Kemel Doukh, e Marius Vascega, chefe de Gabinete do Comissário Europeu do Ambiente, Oceanos e Pescas, Virjinius Sinkevicius.

Encontro bilateral com homóloga francesa

À margem do Fórum, o ministro do Mar português terá um encontro bilateral com a homóloga francesa, Annick Girardin, sobre a Temporada Cruzada França-Portugal, no âmbito da presidência francesa do Conselho da União Europeia (primeiro semestre de 2022), a Comissão do Mar dos Sargaços e a Conferência das Nações Unidas para os Oceanos (em Lisboa, em Junho de 2022), entre outros temas.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Petição contra a alteração da idade para assistir ou participar em touradas está a chegar aos 18 mil subscritores

Partilhar              O Conselho de Ministros aprovou no dia 14 de Outubro o decreto-lei que altera a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.