Início / Agricultura / Maria do Céu Albuquerque recebe Confederação dos Agricultores de Portugal

Maria do Céu Albuquerque recebe Confederação dos Agricultores de Portugal

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A direcção da CAP — Confederação dos Agricultores de Portugal deslocou-se ao Ministério da Agricultura para uma primeira reunião de trabalho, a convite da ministra Maria do Céu Albuquerque, no dia 14 de Novembro.

Durante o encontro, a CAP teve oportunidade de abordar os temas mais marcantes da politica agroflorestal nacional, os quais constituem as principais preocupações do sector que a Confederação representa.

Articulação inter-ministerial

Um documento a sustentar tecnicamente estas preocupações foi entregue à ministra da Agricultura e à sua equipa, de que se destacam, entre outros temas, a articulação inter-ministerial, em especial com o Ministério do Ambiente, garantindo a participação do sector agroflorestal na definição das orientações e das normas ambientais, por forma a que sejam exequíveis e ajustadas às especificidades da agricultura e tecnicamente preparadas para acompanhar as negociações da reforma da PAC.

A CAP pediu ainda a garantia de “monitorização e rigor na gestão do PDR 2020 enquanto principal instrumento financeiro para o desenvolvimento do sector agrícola” e a defesa da floresta – apesar da mudança de Ministério – pela “ligação intrínseca à actividade agrícola e necessidade de mudança da atitude da governação relativamente à economia florestal”.

Outros temas da actualidade como o crescente aparecimento de pragas, a cultura do olival, e o reforço das Organizações de Produtores também foram abordados neste primeiro encontro institucional.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Volume de capturas de pescado em Portugal aumenta 48,4% em Agosto de 2021

Partilhar               O volume de capturas de pescado em Portugal, em Agosto de 2021, aumentou 48,4% …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.