Início / Agricultura / Magos IS forma agricultores em manutenção preventiva de sistemas de rega

Magos IS forma agricultores em manutenção preventiva de sistemas de rega

A Magos Irrigation Systems (Magos IS) e a sua representada Rivulis realizaram duas jornadas formativas sobre manutenção preventiva de sistemas de rega, em Salvaterra de Magos e em Beja, nos dias 12 e 13 de Março, no âmbito do seu projecto de partilha de conhecimento em regadio eficiente.

A Rivulis, fabricante líder mundial de sistemas de rega para a agricultura, apresentou a nova bomba doseadora eléctrica solar Tefen E-300 para fertirrigação. Este equipamento opera com um baixo nível de energia – cerca de 90 watt –, exigindo por essa razão uma reduzida superfície de painéis solares, e permite operar em locais onde não há energia eléctrica da rede, refere uma nota de imprensa da Magos IS, adiantando que a Tefen E-300 “garante uma injecção mais precisa dos fertilizantes no sistema de rega, sendo o caudal regulável, entre 10% e 100%, através da variação do ritmo dos impulsos de injecção”.

A Rivulis conta actualmente com uma equipa alargada de quatro técnicos em Portugal, “permitindo-lhe um melhor apoio técnico e acompanhamento dos clientes e uma maior divulgação da sua gama de produtos. A nível ibérico criou a equipa Grower Solution para estar mais próximo dos agricultores”, realça a mesma nota.

Nestas jornadas formativas foi sublinhado que “a manutenção dos sistemas de rega deve ser realizada sempre de forma preventiva, de modo a prolongar a vida útil dos equipamentos e dos emissores de rega e a poupar custos com intervenções correctivas e substituição de componentes”.

“Um sistema de rega sem manutenção regular pode ter uma vida útil máxima de 5 anos, enquanto um sistema de rega em que a manutenção é cumprida à risca pode durar mais de 10 anos”, explicou Pedro Guerra, coordenador comercial da Magos IS para o Alentejo, Beira Interior, Algarve e Espanha.

A equipas da Rivulis apresentaram casos práticos de como solucionar diferentes avarias habituais nos sistemas de rega, informação que foi considerada muito útil pelas várias dezenas de agricultores e técnicos agrícolas que participaram nestas sessões formativas.

“Antes de iniciar a campanha de rega é imprescindível fazer a manutenção dos filtros do sistema de rega, desmontando e limpando os anéis ou os cartuchos, ou substituindo a areia, no caso de filtros de areia. A aplicação frequente de ácidos e peróxidos, durante a campanha de rega, garantirá a diluição da matéria orgânica e de outros resíduos, evitando entupimentos nos emissores de rega”, refere a mesma nota.

E acrescenta que “a verificação e a vigilância do sistema de bombagem ao longo da campanha de rega é fundamental: ruídos estranhos que possam surgir nos rolamentos, a pressão da água, a altura manométrica e o débito de água no empanque. Nas bombas submersíveis é aconselhável fazer revisão aos hidráulicos a cada três anos”.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Montenegro promete resolver problema do assoreamento do Porto de Pesca da Póvoa de Varzim

Partilhar              O primeiro-ministro, Luís Montenegro, esteve presente cerimónia de encerramento das comemorações do 50º aniversário de …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.