Início / Agricultura / Lusiaves aumenta para 80 os empregos para Pedrógão Grande

Lusiaves aumenta para 80 os empregos para Pedrógão Grande

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Grupo Lusiaves, no decorrer da calamidade que atingiu Pedrógão Grande e que conduziu à perda de emprego de cerca de 200 pessoas, anunciou a oferta de 50 vagas nas suas unidades da Figueira da Foz e Monte Redondo, com possibilidade de transporte diário e início imediato. No 28 de Junho aumentou essas vagas para 80.

E na sexta-feira, o próprio presidente do Grupo Lusiaves, Avelino Gaspar, esteve a dar a conhecer estas oportunidades, com três sessões de esclarecimento sobre as condições e o tipo de trabalho, em Castanheira de Pêra, Pedrogão Grande e Figueiró dos Vinhos.

Fonte institucional da empresa refere que, dada a sua dimensão, o Grupo Lusiaves reconhece que deve “ter um papel activo na melhoria das comunidades locais, nomeadamente no que se refere à criação de emprego e dinamização das regiões tendencialmente mais rurais”.

200 sacos de ração

Assim, adicionalmente, e considerando a devastação de campos de pasto, com vista a ajudar as comunidades locais na superação dos efeitos nefastos do ocorrido, o Grupo Lusiaves já doou também 200 sacos de ração para alimentar os animais da região.

Na matéria da prevenção e do combate a incêndios, o Grupo manifestou, desde sempre, uma preocupação proactiva, que tem conduzido, ao longo dos anos, ao estabelecimento de diversos protocolos de cooperação com Corporações de Bombeiros das regiões onde tem a sua actividade instalada.

O Grupo Lusiaves assegura todo o processo produtivo, operando em todas as etapas da sua cadeia de valor e integrando a totalidade da fileira, nomeadamente: a produção de milho; a produção de alimentos compostos para animais; a produção de ovos para incubação; a incubação de ovos e produção de pintos; a produção avícola de frango, frango do campo e perus; o abate de aves; a transformação de produtos alimentares; o armazenamento e comercialização; a saúde e nutrição animal; e a valorização de subprodutos.

Fundado em 1986 na Marinha da Ondas, na Figueira da Foz, o Grupo Lusiaves exporta para 21 países, integra 20 empresas, tendo 41 unidades distribuídas por 24 concelhos e emprega cerca de 3.100 colaboradores directamente e 2.000 indirectamente. A inovação tecnológica na área de incubação coloca a empresa entre uma das 5 melhores empresas do sector a nível europeu.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

H2020. UE dá 677 M€ a investigadores de topo em início de carreira. Seis são portugueses

Partilhar            A Comissão Europeia anunciou, no passado dia 3 de Setembro, que será concedido um total …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.