Início / Agricultura / Lousada: Mata de Vilar pronta para reabrir ainda no primeiro trimestre de 2021

Lousada: Mata de Vilar pronta para reabrir ainda no primeiro trimestre de 2021

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Câmara Municipal de Lousada informa que os trabalhos na Mata de Vilar “decorrem a bom ritmo, estando prevista a reabertura do espaço ainda no primeiro trimestre deste ano”.

As obras de valorização e de requalificação da Mata de Vilar, no âmbito do projecto Vilar Integra, co-financiado pelo Turismo de Portugal em cerca de 217 mil euros, incluem o restabelecimento da antiga linha de água que atravessava o Vale das Faias, a transformação da antiga pedreira num charco para a vida selvagem e a construção de estruturas de visitação, designadamente um Centro de Interpretação, um Banco de Sementes e um viveiro pedagógico.

A componente material, que se encontra na fase final, prevê ainda a definição de trilhos pedestres, a colocação de informação inclusiva e de sinalética no terreno e em formato digital, através de um aplicativo móvel, bem como a publicação de um Guia de Fauna e Flora, mapas e folhetos interpretativos.

Programa de animação

No que respeita à componente imaterial inclui a oferta de um serviço educativo e de um programa de animação destinado aos mais diversos tipos de público.

Enquanto a Mata não reabre oficialmente ao público, o que se prevê para breve, tem servido de laboratório vivo para acções educativas restritas a pequenos grupos, no âmbito dos projectos internacionais Erasmus+ CareForest e EEA Grants Future Planning.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Cotações – Bovinos – Informação Semanal – 12 a 18 Julho 2021

Partilhar              Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas As cotações mais frequentes de novilhos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.