Início / Featured / Leilão do pescado já pode ser feito na nova Lota do Funchal

Leilão do pescado já pode ser feito na nova Lota do Funchal

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Os serviços de Lotas e Entrepostos da Secretaria regional de Mar e Pescas da Madeira e os técnicos das empresas continentais que se deslocaram à Região, concluíram esta madrugada de 30 de Novembro, “com sucesso”, a operação de transferência da antiga lota do Funchal para as novas instalações do sistema electrónico que auxilia no leilão do pescado.

A transferência dos equipamentos iniciou-se na passada sexta-feira e ocupou todo o fim-de-semana. Os primeiros testes realizaram-se sábado e já na última madrugada o sistema voltou a ser testando, tendo a operação sido concluída conforme o previsto.

“O sistema está a funcionar em pleno”, adianta uma nota da Secretaria Regional de Mar e Pescas, que se congratula com a forma como decorreu a operação, dirigindo uma palavra de reconhecimento a todos os técnicos e funcionários que colaboraram.

Às 6h30 desta segunda-feira, a embarcação “Anjo do Mar” foi a primeira a descarregar peixe-espada, sendo realizada a primeira venda nas novas instalações. Tratou-se de uma venda por contrato de abastecimento, sendo pesados mais de 2,5 toneladas de peixe espada preto.

Mesmo não havendo peixe para venda por leilão, alguns compradores tiveram a oportunidade de testar os seus comandos e inteirar-se das novas metodologias de trabalho implementadas.

Agricultura e Mar Catual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Quer conhecer todas as “Receitas e Sabores dos Territórios Rurais”? Descarregue aqui o livro da Minha Terra

Partilhar              O livro “Receitas e Sabores dos Territórios Rurais”, editado pela Minha Terra – Federação Portuguesa …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.