Início / Mar / Construção Naval / LaserPerformance apresenta a sua primeira embarcação de competição à vela contruída em Portugal

LaserPerformance apresenta a sua primeira embarcação de competição à vela contruída em Portugal

A empresa LaserPerformance, líder mundial na produção de pequenas embarcações de competição à vela, apresentou na sexta-feira, em Setúbal, o seu primeiro barco do género produzido integralmente no País. O PortStar é a mais recente oferta em termos de vela ligeira, tendo sido totalmente desenvolvido e construído em Portugal, nas instalações da empresa localizadas em Setúbal.

A companhia prepara a implantação em Setúbal de uma unidade definitiva de produção, o LaserPerformance Campus, na Estrada Vale de Mulatas, infra-estrutura com 12 hectares

A cerimónia de apresentação do PortStar, realizada ao final do dia no restaurante A Vela Branca, no Parque Urbano de Albarquel, com a baía de Setúbal em pano de fundo, contou com as participações do presidente da Câmara Municipal, André Martins, e do responsável pela unidade de produção portuguesa da LaserPerformance, Valdemar Moura.

Feito totalmente em fibra de carbono

Explica uma nota de imprensa da autarquia de Setúbal que o PortStar é feito totalmente em fibra de carbono, “o que lhe confere um peso extremamente reduzido e alta performance, com a empresa a assegurar que a produção deste modelo respeita um elevado compromisso com a sustentabilidade, reduzindo desperdício e utilizando materiais recicláveis, caso da cortiça”.

A LaserPerformance é a criadora do icónico “Laser”, embarcação muito popular enquanto vela ligeira de competição e que deu origem a uma classe específica na náutica de competição, incorporando, inclusivamente, o leque de modalidades olímpicas.

A empresa internacional, até agora com unidades de produção em Inglaterra e na China, instalou-se em 2019 em Setúbal, onde actualmente concentra, em instalações provisórias, toda a actividade produtiva para alimentar o mercado mundial, incluindo logística e serviços de suporte.

Unidade de produção em Setúbal

A companhia prepara a implantação em Setúbal de uma unidade definitiva de produção, o LaserPerformance Campus, na Estrada Vale de Mulatas, infra-estrutura com 12 hectares.

Além da produção e logística, integrará serviços e equipamentos complementares, laboratórios e áreas técnicas, assim como ginásio, creche, área para acolher eventos, campos para actividades desportivas e um restaurante. As áreas lúdicas e sociais destinam-se não apenas aos colaboradores da empresa, mas também a toda a comunidade local.

A empresa, com origem em 1969 no Canadá, escolheu Setúbal para concentrar a produção “devido ao ecossistema próprio do concelho, com infra-estruturas adequadas e mão-de-obra especializada, proporcionando qualidade de vida elevada e com vantagens acrescidas pela proximidade com o Instituto Politécnico” de Setúbal, acrescenta a mesma nota.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

Investigadores do Politécnico de Leiria estudam produção sustentável de papaias em aquaponia

Partilhar              Um grupo de investigadores do pólo de investigação do LSRE-LCM no Instituto Politécnico de Leiria …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.