Início / Agricultura / José Apolinário destaca importância dos apoios europeus na dinamização dos mercados regionais do Algarve

José Apolinário destaca importância dos apoios europeus na dinamização dos mercados regionais do Algarve

O Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) da Região do Algarve, José Apolinário, sublinhou a importância dos fundos europeus para o apoio à criação de emprego e ao desenvolvimento do potencial endógeno no contexto de uma estratégia territorial para zonas específicas de Baixa Densidade.

O presidente da CCDR Algarve e gestor do Programa Operacional Cresc Algarve 2020 falava na abertura ao público do Mercado Municipal de Silves, após obras de requalificação co-financiadas com fundos europeus geridos na Região, integradas na operação Rede Regional de Mercados Locais – Requalificação, Gestão e Dinamização.

Um projecto intermunicipal promovido pela Vicentina – Associação par o Desenvolvimento do Sudoeste, que envolve os municípios de Silves, Aljezur, Lagos, Portimão, São Brás de Alportel e Vila do Bispo e compreendeu três componentes de investimento, respeitantes ao Programa de Animação e Comunicação da Rede, que também previam acções de requalificação física, no casos dos mercados de Silves e São Bartolomeu de Messines.

As acções desenvolvidas contribuíram para a dinamização da economia local, valorizando os mercados, os produtos de qualidade e o comércio local, de uma forma integrada e com uma abrangência intermunicipal, incluindo uma ampla campanha de sensibilização e promoção regional para a afirmação dos mercados locais como alternativas viáveis ao fornecimento dos bens alimentares e outros, oriundos da estrutura produtiva regional, promovendo-os junto dos consumidores tradicionais e atraindo novos consumidores, refere uma nota de imprensa da CCDR Algarve.

Mercado de Silves

No Mercado de Silves, o projecto original foi adaptado às novas exigências higiossanitárias e melhorias técnicas necessárias, não descaracterizando a traça do edifício, o qual funcionará, como um polo de atracção populacional na zona central da cidade, acrescenta a mesma nota.

Foram criados novos postos de venda de produtos, renovados os estabelecimentos de restauração e bebidas já existentes, beneficiando também de uma ampliação da zona de esplanada com novo sistema integrado de elementos de sombreamento e segregação da via de trânsito, melhorando as condições de segurança dos utentes e transeuntes.

A cobertura foi substituída, mantendo a imagem original característica, com asnas em madeira, sendo melhoradas as condições térmicas com a aplicação dos novos painéis de cobertura. No interior, foram colocados elementos de melhoria acústica, permitindo assim uma melhor eficiência sonora e energética.

O edifício inclui também intervenções ao nível da acessibilidade a pessoas com mobilidade reduzida, assim como uma nova zona de esplanada na cobertura do edifício que serve um novo estabelecimento de bebidas.

Co-financiado com verbas do FEDER – Fundos Europeu de Desenvolvimento Regional, através do Programa Operacional do Algarve, o investimento total desta operação foi de 2,7 milhões de euros, sendo que a despesa elegível atingiu 919.893 euros, com uma comparticipação de 70%, no montante de 644 mil euros.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Cotações – Cereais – Informação Semanal – 13 a 19 Junho 2022

Partilhar              Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas Cereais Outono-Inverno Esta semana foi dada …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.