Início / Featured / Interdição de Navegação no Douro mantém-se devido ao mau tempo

Interdição de Navegação no Douro mantém-se devido ao mau tempo

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo destacou uma equipa de trabalho para acompanhar em permanência as condições meteorológicas registadas em toda a extensão da Via Navegável do Douro. Esta equipa tem vindo a realizar pontos de situação diários com os operadores e outras entidades da região, como a Capitania do Porto do Douro.

“As condições do estado do tempo têm vindo a registar melhorias e não se prevê um agravamento nos próximos dias. No entanto, considerando a instabilidade meteorológica e hidrológica que potenciam variações de cotas, caudais e velocidades de correntes”, a APDL mantém interdita a navegação até garantir a segurança da navegabilidade no curso fluvial do Douro.

Neste contexto, a APDL mantém o apelo para que, nos próximos dias, sejam encetadas medidas mitigadoras dos impactos destas condições, nomeadamente o reforço das amarrações das embarcações/navios, bem como a guarda e vigilância das estruturas e/ou equipamentos flutuantes licenciados e concessionados pela APDL ou propriedade de particulares que se encontrem junto às margens.

Recorde-se que, esta quarta-feira, 10 de Fevereiro, a APDL suspendeu a navegação, motorizada ou não motorizada, em toda a extensão da Via Navegável do Douro e apelou ao reforço das amarrações das embarcações/navios.

As medidas implementadas decorreram das condições meteorológicas registadas e dos elevados caudais do rio que potenciam a movimentação de material flutuante ao longo do curso fluvial.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

UE aprova regime português de 150 M€ para apoiar empresas dos Açores afectadas pela pandemia

Partilhar            A Comissão Europeia aprovou, ao abrigo das regras da União Europeia em matéria de auxílios …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.