Início / Agricultura / ICNF abre caça ao javali até 30 de Setembro para combater peste suína africana e minimizar prejuízos na agricultura

ICNF abre caça ao javali até 30 de Setembro para combater peste suína africana e minimizar prejuízos na agricultura

O Instituto da Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) diz que “importa promover mais acções de âmbito nacional que conduzam a um maior controlo” das populações de javalis. Assim definiu um novo período para a realização destas acções de correcção de densidades de javalis que decorrerá até 30 de Setembro de 2021.

Explica o ICNF no seu Edital N.º 2/2021 — Correcção Extraordinária da Densidade de Javalis que esta medida se insere na necessidade de continuar a realização de medidas para controlo de efectivos populacionais de javali com vista à prevenção da peste suína africana (PSA) assim como, o reforço de medidas para a minimização de danos causados em culturas agrícolas e florestais, que ganhou ainda maior acuidade em sequência da diminuição dos animais caçados devido às restrições decorrentes das medidas de combate à propagação da doença Covid-19.

Assim, as entidades titulares ou gestoras de zonas de caça, interessadas em realizar medidas de correcção de densidade de javali, podem requerer estas acções junto do ICNF.

Esta decisão do Instituto prevê esperas e correcções de densidade em postos fixos, compostas estas últimas no máximo por dez caçadores, com um limite máximo de dois cães por caçador.

Selos da Série C

Os javalis abatidos nas diversas acções devem ser marcados com os selos da Série C (vermelhos), de acordo com a Portaria n.º 185/2018, de 26 de Junho, que poderão ser levantados nos balcões do ICNF. As credenciais de correcção de densidades emitidas ao abrigo do Edital n.º 1/2021 mantêm-se validas.

Mensalmente, até dia 30 de cada mês, a entidade gestora da zona de caça está a obrigada a devolver ao ICNF os destacáveis dos selos utilizados, os selos não utilizados e o resultado das acções executadas, incluindo a identificação dos caçadores que procederam as acções de correcção de densidades.

Pode ler o Edital N.º 2/2021 completo aqui.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

Chega quer comissão técnica independente para análise ao incêndio na Covilhã

Partilhar              O Grupo Parlamentar do Chega defende a criação de uma “comissão técnica independente para análise …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.