Início / Agricultura / Governo dos Açores garante que “trabalha em várias frentes pelo reforço do POSEI”

Governo dos Açores garante que “trabalha em várias frentes pelo reforço do POSEI”

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O secretário Regional da Agricultura e Florestas afirmou hoje, 27 de Setembro, na Ilha Terceira, que o Governo dos Açores está a trabalhar em várias frentes com o objectivo de garantir o reforço da dotação orçamental do programa POSEI, um instrumento financeiro essencial para compensar os agricultores pelos sobrecustos da produção, apelando ao envolvimento sério e construtivo de todos os agentes nesta matéria.

“Desde o primeiro momento que a postura do Governo dos Açores no processo negocial do POSEI, no quadro da próxima Política Agrícola Comum (PAC), tem sido de muito rigor, de exigência, de reivindicação e de vigilância activa”, salientou João Ponte.

“A verdade é que este dossier do POSEI ainda não está fechado. Tem sido alvo de avanços e retrocessos, que nos obrigam a estar permanentemente atentos e combativos”, afirmou João Ponte

“Temos trabalhado no plano regional, nacional e europeu pelo reforço dos fundos comunitários alocados ao POSEI, por serem essenciais para compensar sobrecustos, estimular o crescimento das produções, incentivar o aumento dos regimes de qualidade, ajudar a manter a actividade agrícola dos produtores mais pequenos, bem como para impulsionar a qualidade e a valorização das produções agrícolas”, acrescentou o titular da pasta da Agricultura.

Promoção de carne de bovino

João Ponte, que falava, na Praia da Vitória, à margem de um evento de promoção de carne de bovino maturada da raça Aberdeen-Angus, frisou que, apesar de ainda não estarem definidos os fundos comunitários referentes à Agricultura e Pescas, o reforço efectivo já alcançado pelos Açores em termos globais de fundos comunitários é motivo de satisfação, mas tal não significa indiferença ou desvalorização quanto aquilo que ainda importa alcançar, nomeadamente para o sector da Agricultura, num quadro em que ainda nada está garantido, exigindo de todos muito empenho, determinação e união de esforços.

O secretário Regional salientou que, quando se trata de defender os agricultores açorianos, o seu rendimento e obter mais fundos comunitários para continuar a aplicar no desenvolvimento do sector agrícola no arquipélago, o Governo dos Açores utiliza todas as ferramentas que tem ao seu dispor para o efeito, vai ao limite das suas forças e das suas competências para alcançar resultados positivos.

João Ponte destacou, por exemplo, que, desde 2017, o Governo dos Açores está a trabalhar empenhadamente na revisão da Política Agrícola Comum (PAC) pós 2020, em articulação com a Federação Agrícola dos Açores, com os membros do Conselho Regional da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural e com o Governo da República no sentido do reforço dos fundos comunitários para a agricultura nos Açores, designadamente no POSEI.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Associação de Bebidas Espirituosas defende fim da proibição de venda de bebidas alcoólicas a partir das 20h00

Partilhar            A Anebe – Associação Nacional de Empresas de Bebidas Espirituosas diz continuar “empenhada em contribuir …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.