Início / Agricultura / Governo assina acordo com Repsol para reflorestação
Foto: Miguel A. Lopes/Lusa/Portal do Governo

Governo assina acordo com Repsol para reflorestação

O projecto Motor Verde +Floresta, que prevê reflorestar entre a cinco e dez mil hectares, vai contribuir para estabelecer o mercado voluntário de créditos de carbono, disseram os ministros da Economia e do Mar, António Costa Silva, e do Ambiente e da Acção Climática, Duarte Cordeiro, em Lisboa. Os dois governantes intervinham na apresentação do projecto da empresa petrolífera Repsol que foi presidido pelo primeiro-ministro António Costa.

Costa Silva destacou que este projecto pode atrair para investimentos na floresta portuguesa empresas internacionais interessadas em compensar emissões de carbono, acrescentando que “este projecto se insere no mecanismo aprovado pelo Governo de estabelecer em Portugal um mercado voluntário de créditos de carbono. Será uma das primeiras experiências e um exponenciador deste desenvolvimento”, avança o Executivo.

Já o ministro do Ambiente e Acção Climática, Duarte Cordeiro, disse que se trata de “um projecto transformador do espaço rural português” e de “um projecto estrutural na floresta” e que contribuirá para Portugal atingir a meta da neutralidade carbónica em 2050, “pois sem mobilizar os sectores mais poluentes não será possível fazer a transição energética”.

Sobre a criação do mercado voluntário de créditos de carbono, Duarte Cordeiro disse que, apesar da sua importância, “Portugal vai aumentar a sua ambição na redução de emissões de carbono”.

O projecto para reflorestar entre cinco e dez mil hectares representa um investimento de 40 milhões de euros. No futuro poderá crescer para florestação de 100 mil hectares com cerca de 90 milhões de árvores e capturando 25 milhões de toneladas de carbono, representando um investimento de 400 milhões de euros e a criação de 15 a 20 mil novos empregos, garante o Governo.

O projecto Motor Verde +Floresta já existe em Espanha, também por iniciativa da Repsol (através da sua fundação), reflorestando terras queimadas ou baldias e criando bosques para compensar as emissões de CO2.

O protocolo de colaboração entre o Governo português e a Repsol sobre o projecto foi assinado entre o ministro do Ambiente e Acção Climática, Duarte Cordeiro, e o presidente da Repsol, Antonio Brufau.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Garland Logistics obtém Certificação IFS Logistics para armazenamento e transporte de bens alimentares

Partilhar              A Garland Logistics, empresa de logística do Grupo Garland, obteve a exigente certificação pelo Standard …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.