Início / Agenda / GO Figo Produção apresenta resultados e expectativas da cultura em dia de campo a 28 de Agosto

GO Figo Produção apresenta resultados e expectativas da cultura em dia de campo a 28 de Agosto

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O 4º Dia Aberto do GO Figo Produção vai decorrer no dia 28 de Agosto, novamente em Adofreire, Torres Novas. Neste encontro serão apresentados os resultados do Grupo Operacional Figo Produção e adiantadas expectativas para o futuro desta cultura.

A participação neste Dia Aberto é gratuita, mas de inscrição obrigatória, aqui. Pode ver o programa do encontro no final do artigo.

GO Figo Produção

O Grupo Operacional Figo Produção é liderado pela Rosagro — Sociedade Agrícola e tem como parceiros o COTHN — Centro Operativo e Tecnológico Hortofrutícola Nacional, o INIAV — Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, a Associação Qualifica/Origin Portugal, a Casal dos Cardos — Sociedade Agrícola e o Instituto Superior de Agronomia.

A mobilização, a fertilização e a poda são técnicas culturais realizadas pelos produtores de figo, de forma empírica, e que por vezes não são as mais adequadas, explicam os responsáveis por este Grupo Operacional. Desta forma pretendem demonstrar através da comparação entre o que o produtor faz habitualmente e o que seria tecnicamente mais aconselhado. Esta demonstração é efectuada em pomares da cultivar de figueira ‘Pingo de mel’ e da cultivar ‘Figo preto de Torres Novas’.

Na fertilização é comparada a fertilização tradicional, que é realizada habitualmente pelo produtor, e a fertilização racional que tem por base as análises de solos e de folhas. O resultado esperado é a melhoria da qualidade dos figos e da eficiência dos fertilizantes aplicados.

Na manutenção do solo é comparada a mobilização tradicional com grade de discos efectuada pelos produtores, com a manutenção do coberto vegetal através de cortes mecânicos. O resultado esperado é a melhoria da qualidade dos figos e o aumento da matéria orgânica no solo.

Na poda é comparada a poda de Inverno, praticada pelos produtores, com a poda de Inverno e de Verão ou em verde. O resultado esperado é a melhoria da qualidade e o aumento do rendimento dos pomares, devido à redução dos custos com a mão-de-obra uma vez que as figueiras terão um porte mais reduzido.

O Grupo Operacional Figo Produção pretende ainda observar as pragas e as doenças e proceder ao seu controlo em comparação com o não controlo como habitualmente é efectuado pelos produtores. O resultado esperado é o aumento da produção e da qualidade da mesma.

Programa – 4º Dia Aberto do GO Figo Produção

09h15 – Ressecção dos Participantes e Boas Vindas (Michele Rosa)

09h30 – Abertura com o Presidente da Câmara de Torres Novas (a confirmar)

09h45 – Apresentação dos Resultados Principais do Projecto Análises (Cristina Oliveira e Catarina Lourenço)
– Análise de Solos
– Análise Folhas

Casos Práticos (Rui de Sousa e Cristina Oliveira)
– Fertilização de implantação de um pomar
– Fertilização de manutenção

11h00 – Apresentação dos resultados de Produção
– Produção (Rui de Sousa)
– Qualidade (João Vieira)

11h30 – Custos de Produção (Michele Rosa)

11h45 – Caracterização do figueiral de Torres Novas e apresentação dos resultados análise sensorial do Figo Preto de Torres Novas – (Ana Soeiro)

12h15 – Meios de Divulgação Técnicos do Projecto (Carmo Martins)

12h30 – Encerramento

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Petição contra a alteração da idade para assistir ou participar em touradas está a chegar aos 18 mil subscritores

Partilhar              O Conselho de Ministros aprovou no dia 14 de Outubro o decreto-lei que altera a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.