Início / Agricultura / GNR já deteve 50 pessoas este ano por crime de incêndio florestal

GNR já deteve 50 pessoas este ano por crime de incêndio florestal

A Guarda Nacional Republicana (GNR) já deteve este ano  cinco dezenas de pessoas pelo crime de incêndio florestal, mais 20 do que em igual período de 2021. “No ano passado havia cerca de 30 detidos por esta altura e este ano temos mais de 50 detidos”, revelou o ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, na sua intervenção inicial na Comissão Parlamentar de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias.

José Luís Carneiro deu também conta que este ano estão identificados mais de 500 suspeitos por atitudes dolosas em relação à floresta, enquanto em 2021 estavam identificados cerca de 300. “A actuação das autoridades tem resultado”, sublinhou o ministro da Administração Interna.

Quanto à dimensão de sensibilização e fiscalização da limpeza dos espaços rurais, a GNR realizou este ano mais de 4000 acções de sensibilização para a limpeza de terrenos e sobre cuidados a ter nas florestas e sinalizou 11 mil situações de incumprimento, enquanto a PSP realizou 4369 acções de fiscalização e vigilância.

Até agora, verificou-se um cumprimento voluntário de 65% das situações de falta de limpeza detectadas.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

40% dos produtos alimentares com rotulagem nutricional simplificada utiliza o Nutri-Score

Partilhar              A maioria dos produtos alimentares que já apresentam um sistema de rotulagem nutricional simplificada utiliza …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.