Início / Agricultura / Gabinete de Gestão do Arvoredo criado em Guimarães

Gabinete de Gestão do Arvoredo criado em Guimarães

O concelho de Guimarães tem, desde o final do ano passado, um Gabinete de Gestão do Arvoredo criado no Laboratório da Paisagem – o centro de investigação e educação ambiental, participado pela Câmara Municipal de Guimarães –, projecto que será “um contributo importante para a gestão e monitorização do património arbóreo da cidade”.

“Reconhecido como um concelho com grande presença de arvoredo, mesmo em contexto urbano, o município de Guimarães reforça agora a sua aposta na gestão e manutenção do território, através desta nova valência”, refere uma nota de imprensa da autarquia.

A realização de inspecções ao arvoredo urbano, a protecção de árvores ameaçadas, o registo e levantamento do património arbóreo, a supervisão e aconselhamento das práticas de podas de árvores ou a formação e sensibilização para a importância do arvoredo, são alguns dos objectivos do recém-criado gabinete, que irá auxiliar o trabalho já realizado pela Divisão de Estrutura Verde e Biodiversidade do município de Guimarães.

Segundo a vereadora do Ambiente, Sofia Ferreira, “esta é mais uma forte aposta do município na área ambiental”. “Sabemos que Guimarães tem um património arbóreo de excelência, mas cabe-nos criar as melhores condições possíveis para uma gestão e monitorização assertivas, através da integração, da investigação e da educação ambiental”, acrescenta a responsável.

Refira-se, ainda, que este é mais um projecto que resulta do Ecossistema de Governança Guimarães 2030 e que procura “dotar o município das melhores valências, transformando-o num território mais verde e resiliente”.

O Gabinete de Gestão do Arvoredo do Laboratório da Paisagem estará também disponível para a prestação de outros serviços fora do concelho de Guimarães, numa lógica de partilha de boas práticas na área da gestão do arvoredo, acrescenta a mesma nota.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Montenegro promete resolver problema do assoreamento do Porto de Pesca da Póvoa de Varzim

Partilhar              O primeiro-ministro, Luís Montenegro, esteve presente cerimónia de encerramento das comemorações do 50º aniversário de …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.