Início / Agricultura / Fitofarmacêuticos: substância activa hidrazida maleica tem autorização renovada

Fitofarmacêuticos: substância activa hidrazida maleica tem autorização renovada

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Comissão Europeia autorizou a renovação da utilização da substância activa hidrazida maleica (sal de potássio) em produtos fitofarmacêuticos. Esta substância é utilizada em reguladores de crescimento de hortícolas como a batata, alho e cebola. A Comissão decidiu ainda “retirar a restrição de utilização exclusivamente como regulador de crescimento”.

Segundo o Regulamento 2017/1506 da Comissão de 28 de Agosto de 2017, em 29 de Abril de 2016, a Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos transmitiu à Comissão as suas conclusões quanto à possibilidade de a hidrazida maleica cumprir os critérios de aprovação previstos. Em 6 de Outubro de 2016, a Comissão apresentou ao Comité Permanente dos Vegetais, Animais e Alimentos para Consumo Humano e Animal o projecto de relatório de renovação da hidrazida maleica. E concluiu ser “adequado renovar a aprovação da hidrazida maleica”.

“A avaliação do risco para a renovação da aprovação da hidrazida maleica baseia-se num número limitado de utilizações representativas que, no entanto, não restringem as utilizações para as quais os produtos fitofarmacêuticos que contêm hidrazida maleica podem ser autorizados. Por conseguinte, é adequado retirar a restrição de utilização exclusivamente como regulador de crescimento”, acrescenta o mesmo documento.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Carne Ramo Grande dos Açores reconhecida como Denominação de Origem a nível nacional

Partilhar            A Secretaria Regional da Agricultura e Florestas informa que foi conferido à Carne Ramo Grande …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.