Início / Agenda / Fersant. Quer participar na Feira Empresarial da Região de Santarém? Inscrições abertas
© Nersant

Fersant. Quer participar na Feira Empresarial da Região de Santarém? Inscrições abertas

A Nersant – Associação Empresarial da Região de Santarém realiza a 35ª Fersant — Feira Empresarial da Região de Santarém, entre os dias 8 e 16 de Junho de 2024, em simultâneo com a FNA – Feira Nacional de Agricultura, no CNEMA — Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas, em Santarém.

A Feira Empresarial da Região de Santarém, organizada pela Nersant, “é muito mais do que um certame empresarial onde os agentes económicos do Ribatejo podem promover os seus produtos ou serviços. A Fersant é actualmente um espaço de networking empresarial que traz cada vez mais oportunidades para aqueles que nela participam”, refere uma nota de imprensa da Associação.

O certame “tem vindo a assumir-se como um importante espaço de trocas comerciais e conhecimento entre as empresas da região, que se tem verificado quer pelo número de visitantes, quer pelo número de empresas e entidades interessadas em mostrar os seus serviços ou produtos neste espaço”. E ainda tem inscrições abertas para participantes, aqui.

A Nersant identifica como “uma das maiores vantagens” de participação na Feira, “a oportunidade que o certame dá as empresas de aumento da sua carteira de clientes, uma vez que o evento é um centro privilegiado de contactos comerciais com oportunidade para a concretização de inúmeros encontros entre clientes e fornecedores, actuais e potenciais e até, eventuais agentes e distribuidores”.

Para a Associação, a Fersant proporciona às empresas:

  • Reforço ou inicio da presença em determinado mercado-alvo;
  • Aumento as vendas, através da angariação de novos clientes e novas encomendas, reduzindo o custo por contacto;
  • Poupança nos custos, na medida em que oferece um melhor rácio custo por contacto, uma vez que a maioria dos visitantes são potenciais clientes;
  • Fidelização dos clientes (convites e atendimento personalizados), sondando-os sobre as suas necessidades e expectativas para equacionar possíveis soluções tecnologicamente mais avançadas e planear ou adaptar estratégias comerciais futuras;
  • Promoção da inovação, novos produtos/serviços, testando-os directamente com a presença de técnicos qualificados que façam a análise à reacção dos visitantes, bem como trabalhos de investigação e desenvolvimento tecnológico;
  • Realização de actividades de benchmarking, actualizando a informação sobre o mercado, tendências do consumo, capacidade da concorrência, canais de distribuição mais eficazes, etc., incluindo a comparação de funções, qualidade, concepção e preço dos produtos e o potencial do mercado;
  • Combinação de elementos que devem actuar de forma concertada como as forças de venda da empresa, a publicidade, a promoção e as relações públicas;
  • Aumento da carteira de clientes pois este evento é um centro privilegiado de contactos comerciais com oportunidade para a concretização de inúmeros encontros entre clientes e fornecedores, actuais e potenciais e até, eventuais agentes e distribuidores. O contacto pessoal com potenciais clientes é fulcral neste processo;
  • Melhoria e promoção da imagem de marca e prestígio dos produtos, transmitindo mensagens sobre as apostas das suas estratégias e políticas em matéria de qualidade, meio ambiente, inovação, diversificação, flexibilização produtiva, desenvolvimento de tecnologias de ponta, etc..

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Montenegro promete resolver problema do assoreamento do Porto de Pesca da Póvoa de Varzim

Partilhar              O primeiro-ministro, Luís Montenegro, esteve presente cerimónia de encerramento das comemorações do 50º aniversário de …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.