Início / Agricultura / Exportação de pêra e maçã para o Peru já é possível na próxima campanha

Exportação de pêra e maçã para o Peru já é possível na próxima campanha

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Governo português já assinou os acordos que permitirão aos operadores nacionais começar a exportar pêra e maçã para o Peru já na próxima campanha agrícola. Para o secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, Luís Vieira, “trata-se de mais um importante passo no processo abertura de mercados de países terceiros para a fruta nacional, um processo no qual o Governo tem colocado especial empenho”.

A abertura do mercado do Peru segue-se à abertura da Colômbia para o leite e produtos lácteos e também para pêra rocha, cuja primeira exportação se concretizou em Dezembro último. Ainda na região da América do Sul estão em curso negociações com a Venezuela e com Cuba igualmente para leite e produtos lácteos, e ainda para peixe no caso de Cuba.

Novos mercados

Luís Vieira, em comunicado enviado às redacções, sublinha “a importância estratégica de manter a dinâmica exportadora do sector agrícola, reforçando-a com novos destinos comerciais que seguramente constituirão novas oportunidades para a produção nacional e um forte estímulo ao investimento”.

Por essa razão, o Executivo tem “mantido uma forte aposta” na região do Médio Oriente, da qual resultou já a abertura do mercado de Israel para a exportação de ovinos, estando em curso negociações com a Líbia. Noutra região do globo, a abertura do mercado da China para a carne de porco encontra-se em fase final de negociação.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

PSD recomenda ao Governo criação de sistema de videovigilância na floresta em todos os distritos de Portugal continental

Partilhar              O Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata (PSD) diz que a existência de sistemas de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.