Início / Featured / Exploração da conserveira Santa Catarina já tem gestão privada

Exploração da conserveira Santa Catarina já tem gestão privada

A assinatura do auto de consignação da exploração da conserveira Santa Catarina à sociedade privada SCA realizou-se hoje, 2 de Agosto, em São Jorge. Para o presidente do Governo Regional dos Açores, José Manuel Bolieiro, este é “um dia histórico pela identidade e pela excelência e prestigio”, deixando uma “palavra de esperança” aos trabalhadores e aos jorgenses.

José Manuel Bolieiro aproveitou a ocasião e referiu que “a economia do mar é relevante para Portugal por causa dos Açores”. “Se a história do País tem especial ligação com a aventura marítima, pode ter enorme futuro com a economia do mar pela sustentabilidade”.

Na cerimónia, o Chefe do Executivo açoriano asseverou também a importância de garantir a sustentabilidade dos oceanos, através de uma “economia azul” que garanta uma “fileira com um preço justo a distribuir por todos”, pela produção e transformação, pelos trabalhadores e pelo “erário publico”.

“Nas conservas, na qualidade e diferenciado que a Santa Catarina aqui representa, há também uma narrativa relativamente à arte extractiva nesta fileira da economia do mar. Nós temos uma consciência de sustentabilidade”, afirmou o governante.

Por outro lado, salientou que “estamos a assumir que a privatização através desta gestão era vantajosa para este complexo contraditório: entre libertar um passado negativo, tóxico, para potenciar um futuro fundado numa história de excelência”.

José Manuel Bolieiro reforçou ainda que o Executivo “está a libertar a nova gestão do passado tóxico”, uma vez que a região assumiu a dívida da Santa Catarina, mas lembrou que a consignação prevê uma “renda anual”, o que exige uma “gestão lucrativa”.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Furto de alfarroba não pára. GNR apreende mais 434 quilos em Silves

Partilhar              A Guarda Nacional Republicana (GNR) informa que o Comando Territorial de Faro, através do Posto …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.