Início / Agricultura / EUA: Agricultura em crise devido a queda nos preços

EUA: Agricultura em crise devido a queda nos preços

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A drástica queda nos preços dos produtos agrícolas nos mercados internacionais é um dos principais factores da crise na agricultura norte-americana, que está a deixar as quintas do país em maus lençóis. Os rendimentos dos agricultores vão cair em cerca de 40%, a maior queda nos últimos 30 anos, diz o Departamento de Agricultura dos EUA.

Os preços do milho e da soja, em particular, estão a baixar há três anos, encontrando-se actualmente 50% abaixo dos preços particados em 2012, quando atingiram um pico. Estas duas culturas são das mais importantes nos EUA, destinando-se à transformação em rações de animais e à exportação.

Os preços anormalmente baixos permitiram, inicialmente, que os agricultores vendessem mais. Porém, o milho está agora a um preço abaixo do custo de produção para muitos norte-americanos. A subida de valor do dólar nos mercados cambiais dificulta a exportação. Tudo somado, a crise na agricultura deixa muitas explorações à beira da falência, nos EUA.

Os efeitos desta crise já atingiram os bancos. “A maioria dos bancos estão a olhar para o sector agrícola com alguma preocupação”, diz Ron Feldman, vice-presidente da Federal Reserve (o banco central dos EUA) em Minneapolis, citado pelo jornal norte-americano Marketplace.

De acordo com Feldman, muitos agricultores estão a ter dificuldades em pagar as suas dívidas, uma situação que pode agravar-se no próximo ano se os preços das colheitas não voltarem a subir. Frequentemente, as terras de que são proprietários perderam de tal forma o seu valor que a sua venda não chega para pagar a hipoteca ao banco.

O Wall Street Journal refere que a a Federal Reserve frisou, no início do ano, que “a economia rural e a avaliação dos valores das quintas” estavam a desacelerar. Na última década, os preços das colheitas tinham aumentado até valores recorde, alimentados pela seca e pelo aumento de procura da parte de fabricantes de etanol (para biocombustível) e importadores estrangeiros. “Este crescimento fez aumentar de tal forma o valor da terra agrícola que alguns analistas alertaram para uma bolha”, lembra o Journal.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Governo dos Açores garante que “trabalha em várias frentes pelo reforço do POSEI”

Partilhar            O secretário Regional da Agricultura e Florestas afirmou hoje, 27 de Setembro, na Ilha Terceira, …

Um comentário

  1. Porque não baixa o preço das rações……..são especiais de corrida

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.