Início / Agricultura / Espanha: Agricultores de Valência fazem manifestação pelos baixos preços das uvas

Espanha: Agricultores de Valência fazem manifestação pelos baixos preços das uvas

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Os agricultores espanhóis da região de Valência estão preocupados com os baixos preços da uva. Por isso convocaram uma manifestação, para o próximo dia 5 de Setembro, em Requena.

A Coordenadora Rural do País Valenciano-COAG, a Associação Valenciana de Agricultores (AVA-ASAJA) e a União de Llauradors i Ramaders, com o apoio da Federação de Cooperativas Agro-alimentares da Comunidade Valenciana, decidiram convocar aquela manifestação em protesto contra os “preços da ruína que as grandes vinícolas tentam impor para as uvas destinadas à elaboração de vinho e do espumante cava”.

As principais entidades representativas do sector vinícola valenciano aderem assim às greves convencionadas na Catalunha e na Extremadura, em resultado de “estratégias especulativas destinadas a causar um colapso sem precedentes e a baixas históricas do preço das uvas para cava”, explicam aqueles agricultores espanhóis em comunicado conjunto.

Manif alargada a toda a Valência

No entanto, a manifestação que terá lugar em Requena também estende a sua queixa à crise de preços que o resto dos produtores de vinhos de Valência atravessa cuja colheita é usada na produção de vinhos.

Por isso, os líderes das organizações agrárias e cooperativas pedem a todos os agricultores de Utiel-Requena e do resto das regiões vinícolas para se mobilizarem, com o apoio de tractores, junto ao Monumento da Vindima, que terá como lema ‘Pelo Cava e o Sector Vitivinícola’.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Apormor repudia intenção do Governo de criar uma Direcção-Geral dependente do Ambiente para a sanidade e bem-estar animal

Partilhar            A Apormor — Associação de Produtores do Mundo Rural da Região de Montemor-o-Novo associa-se a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.