Início / Agricultura / Escola Secundária de Ponte de Sôr debate montado alentejano em colóquio

Escola Secundária de Ponte de Sôr debate montado alentejano em colóquio

A equipa CanSat da Escola Secundária de Ponte de Sôr, na comemoração do Dia Mundial da Árvore, organizou o seu 1º colóquio, no passado dia 21 de Março, que se focou em variadas áreas relacionadas com o Montado. A iniciativa surge aliada à missão secundária do Projecto CanSor.

O grupo de 6 alunos da Escola Secundária de Ponte de Sôr encontra-se a participar no Concurso CanSat Portugal. Trata-se de um projecto educativo do ESERO Portugal, organizado pela Ciência Viva e pela Agência Espacial Europeia (ESA), que desafia alunos do ensino secundário de todo o País a projectar e construir um modelo funcional de um microssatélite – CanSat.

Para além deste desafio, têm, ainda, de conceber uma missão secundária tendo a mesma de ser delineada por cada equipa, explica uma nota de imprensa do Agrupamento de Escolas de Ponte de Sor. O objectivo da missão que consagrou esta equipa uma das 15 melhores a nível nacional é a avaliação do montado Norte Alentejano através de sensoriamento remoto. Teve na sua génese a identidade do território e a representatividade que o mesmo tem perante a comunidade local.

O projecto tem como mote contribuir para a preservação e continuidade do montado com a sua paisagem tão característica e a peculiar biodiversidade que lhe está associada.

Participantes

Assim, e aliando o projecto da equipa ao Dia Mundial da Árvore, ao Dia Internacional das Florestas e ao Dia Mundial da Poesia, realizou-se um Colóquio sobre o Montado e as diversas áreas associadas. Iniciou-se o mesmo com uma apresentação de todo o trabalho até então efectuado pela equipa CanSor’23.

Contou-se ainda com vários painéis: Escrever o Montado, com José Luís Peixoto; Montado e a Sustentabilidade dos Territórios Rurais, com a Engª Florestal Sónia Martins — Município de Ponte de Sôr —; Projectos de Monitorização em Montado, com Carla Nogueira, da UNAC – União da Floresta Mediterrânica; e Importância do Sobreiro para a Conservação da Biodiversidade, com a Engª Florestal Célia Ramalho e o Engº Agrónomo Afonso Martins, da Aflosor – Associação de Produtores Agroflorestais da Região de Ponte de Sôr.

“Foi um momento de partilha e interacção com o público muito importante para os presentes, mas, especialmente, para a Equipa CanSor. Permitiu-lhes, não só, a aquisição de conhecimento na área em que se concentram, mas também, a obtenção de competências essenciais em apresentação em público”, adianta a mesma nota.

E acrescenta que “a equipa encontra-se mais focada do que nunca e quase pronta para a final que realizar-se-á entre 26 e 30 de Abril, no Aeródromo Municipal de Ponte de Sôr”.

Saiba tudo sobre o projecto CanSor’23 aqui.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Oceanário de Lisboa tem bilhetes com 50% de desconto em semana de aniversário

Partilhar              O Oceanário de Lisboa, para assinalar o seu 26.º aniversário, traz a sua mascote Vasco, …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.