Início / Agricultura / Epagro recomenda Afromyl, o nematodicida sistémico para hortícolas

Epagro recomenda Afromyl, o nematodicida sistémico para hortícolas

O Afromyl é um nematodicida sistémico para hortícolas distribuído pela Epagro – Serviços Agrícolas. Um produto da Indústrias Afrasa indicado para as culturas de beringela, courgette, pepino, pimenteiro e tomateiro.

Este fitossanitário destina-se a ser aplicado ao solo mediante sistemas de rega gota-a-gota, criando uma zona de protecção nas raízes impedindo que nemátodos e outros insectos do solo provoquem danos nas culturas. Segundo fonte da Epagro, o Afromyl é rapidamente absorvido pelas raízes e translocado através do sistema vascular.

Trata-se de um nematodicida sistémico constituído por oxamil, que pertence ao grupo químico dos carbamatos e ao grupo dos inibidores da acetilcolinesterase (Grupo 1 e sub-grupo 1A do IRAC).  Actua por contacto e ingestão ao nível do sistema nervoso.

Este produto tem uma acção sistémica ascendente e descendente, protegendo tanto a parte radicular como a parte aérea da planta contra insectos picadores-sugadores como a mosca branca, afídeos, trips, larvas mineiras, etc. (usos não homologados).

A Epagro alerta para que para evitar o desenvolvimento de resistências, não aplicar este produto ou qualquer outro que contenha oxamil mais de 3 vezes por cultura e campanha procedendo-se à alternância deste com nematodicidas dotados de diferente modo de acção.

Aplicação

O Afromyl deve ser aplicado apenas através de sistemas de rega gota-a-gota, respeitando as culturas autorizadas e as doses indicadas. Este produto deve ser adicionado directamente ao sistema de irrigação através de uma bomba específica e injector.

Segundo a Epagro, deve ser efectuada a calibragem apropriada do sistema a fim de permitir uma distribuição uniforme do produto na área desejada. A empresa aconselha ainda a iniciar a irrigação por aplicação de água e somente quando o solo ou substrato atingir um grau de humidade adequado adicionar o Afromyl ao sistema de irrigação.

No final do ciclo de irrigação deve ser realizada a limpeza do sistema através da circulação de água. O sistema de irrigação não deve estar ligado a sistemas de irrigação públicos e deve ser equipado com uma válvula que impeça o refluxo.

Pode consultar a ficha técnica do Afromyl aqui.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

ASAE apreende mais de 4 toneladas de polvo em entreposto frigorífico em Coimbra

Partilhar              A ASAE — Autoridade de Segurança Alimentar e Económica apreendeu mais de 4 toneladas de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.