Início / Agenda / Eleição da Árvore do Ano 2022. O seu concelho tem uma árvore especial? Candidaturas abertas

Eleição da Árvore do Ano 2022. O seu concelho tem uma árvore especial? Candidaturas abertas

Conhece uma árvore especial? Conhece a sua história? Pois saiba que a eleição da Árvore do Ano 2022 está em curso e tem candidaturas abertas 16 de Novembro de 2021. Esta é a 4ª edição da iniciativa nacional, liderada pela UNAC – União da Floresta Mediterrânica, para eleição da Árvore do Ano 2022.

A árvore vencedora representará Portugal no Concurso Árvore Europeia, que se realiza desde 2011, celebrando nesta ocasião a sua 11ª edição. Trata-se de uma iniciativa que todos os anos consciencializa mais 200 mil pessoas com a natureza, promovendo o cuidado e a preocupação com 16 árvores, a unidade de 16 comunidades locais em torno de uma causa e ainda o orgulho de 16 países na sua herança natural.

Ao contrário de outros concursos, a Árvore Europeia do Ano não se foca na beleza, no tamanho ou na idade da árvore, mas sim na sua história e conexão com as pessoas. O vencedor europeu é anunciado na cerimónia de prémios em Bruxelas, durante o mês de Março de 2022.

“Num momento em que o papel das florestas é de particular importância no combate às alterações climáticas, o concurso da Árvore do Ano pretende mais uma vez celebrar a história de uma árvore especial que pode ser escolhida por si”, refere uma nota de imprensa da UNAC.

E acrescenta que as árvores são “responsáveis pela produção de matérias-primas indispensáveis à nossa vivência, como a madeira, a cortiça, o pinhão ou a bolota, suportando outras espécies de animais e plantas, garantindo ainda um conjunto de serviços de ecossistema relevantes para a sociedade – sequestro de carbono, biodiversidade, conservação do solo e da água, paisagem e cultura”.

É precisamente sobre estes valores que incide o concurso. Se conhece uma árvore especial e a sua história, esta é “uma forma de a perpetuar no tempo para as próximas gerações, salientando quer o papel da árvore numa comunidade rural, ou a sua imponência esquecida no meio da floresta ou até numa praceta em ambiente urbano”, salienta a União da Floresta Mediterrânica.

Azinheira Milenar de Lecina eleita por Espanha

Na edição anterior do Concurso Árvore Europeia, foram registados 604 mil votos, tendo vencido a Azinheira Milenar de Lecina, eleita por Espanha. Portugal tem desde 2018 eleito espécies características dos sistemas agroflorestais mediterrânicos que têm ficado entre o 1º (Sobreiro assobiador) e o 6º (Castanheiro de Vales) lugar do concurso europeu. Na última edição o Plátano do Rossio alcançou o 4º lugar com 37.410 votos.

Candidaturas

Os concursos nacionais seleccionam candidatos para o concurso europeu. Conquistam mais de 2,1 milhões de votos desde 2002. O concurso europeu selecciona o vencedor através de uma votação, que juntou mais de 1,6 milhões de votos em toda a Europa nas edições anteriores.

Pode ler o regulamento do concurso aqui e e candidatar a sua árvore aqui.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

Próximo Orçamento dos Açores vai ter apoios para experimentação no agroalimentar

Partilhar              O secretário Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural dos Açores anunciou hoje, 27 de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.