Início / Agricultura / Cuidado com as queimas. GNR detém homem de 70 anos por incêndio florestal

Cuidado com as queimas. GNR detém homem de 70 anos por incêndio florestal

O Comando Territorial da Guarda Nacional Republicana (GNR), através do Posto Territorial de Mêda, deteve ontem, 27 de Março, um homem de 70 anos, por incêndio florestal, no concelho de Mêda.

Na sequência de um alerta de incêndio, os militares da Guarda apuraram que na sua origem estava uma queima de sobrantes florestais que se encontrava autorizada, porém que se descontrolou devido à não adopção das medidas de segurança necessárias, tendo consumido cerca de 0,5 hectares de área florestal.

“No decorrer das diligências policiais foi detido um homem de 70 anos por incêndio florestal, que se encontrava no local”, refere uma nota de imprensa da GNR.

Os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Vila Nova de Foz Côa. Esta acção contou com o apoio dos Bombeiros Voluntários de Mêda.

A GNR relembra que:

  • As queimas e queimadas são das principais causas de incêndios em Portugal;
  • A realização de queimadas, de queima de amontoados e de fogueiras é interdita sempre que se verifique um nível de perigo de incêndio rural “muito elevado” ou “máximo”, estando dependente de autorização ou de comunicação prévia noutros períodos;
  • Para evitar acidentes siga as regras de segurança, esteja sempre acompanhado e leve consigo o telemóvel.

A Guarda Nacional Republicana, através do Serviço da Protecção da Natureza e do Ambiente (SEPNA), tem como preocupação diária a protecção ambiental e dos animais. Para o efeito, poderá ser utilizada a Linha SOS Ambiente e Território (808 200 520) funcionando em permanência para a denúncia de infracções ou esclarecimento de dúvidas.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Ordem dos Médicos Veterinários defende criação do assistente social para combater abandono de animais

Partilhar              A Ordem dos Médicos Veterinários (OMV) assinala o Dia Internacional do Animal Abandonado que se …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.