Início / Agricultura / Cuidado com a queima de sobrantes florestais. GNR identifica homem de 78 anos por incêndio em Vila Real

Cuidado com a queima de sobrantes florestais. GNR identifica homem de 78 anos por incêndio em Vila Real

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Comando Territorial de Vila Real da Guarda Nacional Republicana (GNR), através do Núcleo de Protecção Ambiental (NPA) de Vila Real, no dia 18 de Setembro, identificou um homem de 78 anos por incêndio florestal, no concelho de Vila Real.

No seguimento de um alerta de incêndio florestal, os elementos da Equipa de Protecção Florestal, “deslocaram-se de imediato para o local, onde apuraram que a ignição teve origem numa queima de sobrantes florestais que se descontrolou, tendo consumido cerca de 0,01 hectares de mato”, refere uma nota de imprensa da GNR.

No decorrer das diligências policiais foi identificado o suspeito da queima, tendo os factos sido remetidos para o Tribunal Judicial de Vila Real.

60 suspeitos de incêndios florestais em 2021

No corrente ano, o Comando Territorial de Vila Real já identificou 60 suspeitos de incêndios florestais, dos quais cinco foram detidos em flagrante delito.

“A protecção de pessoas e bens, no âmbito dos incêndios rurais, continua a assumir-se como uma das prioridades da GNR, sustentada numa actuação preventiva e num esforço de patrulhamento nas áreas florestais”,  garante a Guarda Nacional Republicana.

Na mesma nota de imprensa a GNR relembra:

  • As queimas e queimadas são das principais causas de incêndios em Portugal;
  • Em qualquer altura do ano é proibido queimar matos cortados e amontoados e qualquer tipo de sobrantes de exploração florestal ou agrícola bem como efectuar queimadas sem pedir autorização ou fazer comunicação prévia;
  • Para evitar acidentes siga as regras de segurança, esteja sempre acompanhado e leve consigo o telemóvel.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •   
  •   
  •  

Verifique também

Petição contra a alteração da idade para assistir ou participar em touradas está a chegar aos 18 mil subscritores

Partilhar              O Conselho de Ministros aprovou no dia 14 de Outubro o decreto-lei que altera a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.