Início / Agricultura / Cotações – Flores e Folhagens – Informação Semanal – 20 a 26 Julho 2020

Cotações – Flores e Folhagens – Informação Semanal – 20 a 26 Julho 2020

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

Mercados de produção

Alstroeméria -Na Região Norte, na área de mercado Entre Douro e Minho, a oferta foi média/baixa e a procura média. Boa qualidade e cotações estáveis. Algumas dificuldades de escoamento.

Na Região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta continuou fraca porque as plantações estiveram e estão semi-cuidadas. Menor disponibilidade. Procura fraca. Cotações estáveis.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi alta e a procura fraca. Cotações sem alterações.

Arália – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi alta e a procura baixa. Cotações estáveis.

Cravo/Cravina – Na Região Norte, na área de mercado de produção Entre Douro e Minho, as cotações não se alteraram. A oferta foi superior à procura baixa. Escoamento com dificuldades. Boa qualidade do produto.

Na Região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta foi fraca, porque as plantações estiveram e estão semi-cuidadas. Menor disponibilidade. Procura ligeiramente fraca, a normalizar. Flor procurada para cemitérios basicamente. Descida ligeira da cotação mínima do cravo e da cravina.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península Setúbal, a oferta foi baixa e a procura média/baixa. As cotações não se alteraram.

Crisântemo – Na Região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta foi fraca. Como se estragou muita flor no início da pandemia os produtores optaram por não fazer novas plantações. Muito pouca disponibilidade desta flor no mercado. Cotações estáveis.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, como houve e continua a haver pouca procura, os produtores deixaram de fazer a cultura e a oferta é baixa. Descida da cotação mínima e da mais frequente.

Espargo – Na Região Norte, na área de mercado de produção Entre Douro e Minho, a oferta foi média e a procura também. Cotações estáveis.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi média e a procura baixa. Cotações estáveis.

Eucaliptos – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a cotação mínima e a mais frequente valorizaram. A oferta foi alta e a procura baixa.

Feto – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi média/alta e a procura baixa. Cotações estáveis.

Gerbera – Na Região Norte, na área de mercado de produção Entre Douro e Minho, a oferta foi média e a procura inferior. Boa qualidade. Dificuldades de escoamento. Cotações estáveis.

Na Região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta foi regular. Procura fraca a ligeiramente normal. Cotações sem alterações.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi média/baixa e a procura baixa. Cotações estáveis.

Gipsofila – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi alta e a procura baixa. Subida significativa das cotações.

Gladíolo – Na Região Norte, na área de mercado de produção Entre Douro e Minho, a cotação máxima e a mais frequente desvalorizaram devido ao aumento da oferta. Procura média. Dificuldades de escoamento devido ao encerramento de canais habituais de comercialização.

Na Região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta foi escassa. O bolbo não tem sido plantado neste período de pandemia. Procura fraca. Cotações estáveis.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura ligeiramente superior. Cotações sem alterações.

Girassol – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi média e a procura baixa. Boa qualidade comercial. Descida das cotações.

Lilium – Na região Norte, na área de mercado de produção Entre Douro e Minho, a oferta foi média e suficiente para a procura. Algumas dificuldades de escoamento devido ao encerramento de canais de comercialização. Cotações estáveis. Boa qualidade.

Na Região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta foi fraca e inferior à procura. Como se estragou muita flor no início da pandemia os produtores deixaram de fazer novas plantações. Procura regular a ligeiramente fraca. Muito pouca disponibilidade desta flor no mercado. Cotações sem alterações.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, como a procura tem sido fraca, o produtor não investiu nesta cultura. Cotações sem alterações.

Limonium – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi fraca porque o produtor não investiu nesta cultura. Procura fraca. Cotações estáveis.

Rosa – Na Região Norte, na área de mercado Entre Douro e Minho, as cotações não se alteraram. A oferta foi média e a procura inferior. Boa qualidade comercial. Dificuldades no escoamento devido ao encerramento de canais habituais de comercialização. Concorrência de produto importado do Equador e Holanda.

Na Região Centro, na área de mercado Beira Litoral, a oferta foi fraca, mas normal para a época. Algumas explorações estão com pouca ou sem oferta, pois esta flor dá por camadas (está na fase de paragem) mas já começou a aumentar. Procura regular. Flor com maior procura no mercado. Cotações sem alterações.

Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi alta e a procura baixa. Boa qualidade comercial. Descida das cotações mínimas e das mais frequentes da rosa >60 cm e 40-60 cm.

Ruscus – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, as cotações não se alteraram. A oferta e a procura foram baixas.

Statice – Na Região Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado Península de Setúbal, a oferta foi baixa e a procura também. Subida da cotação mínima e da mais frequente.

Todas as cotações aqui.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Docapesca prossegue requalificação dos equipamentos dos Estaleiros Navais da Azurara

Partilhar            A Docapesca – Portos e Lotas prossegue os trabalhos de reabilitação dos equipamentos dos Estaleiros …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.