Início / Agenda / Congresso Ibérico de Ciências Hortícolas já recebeu 126 resumos de trabalhos. Quer chegar aos 200

Congresso Ibérico de Ciências Hortícolas já recebeu 126 resumos de trabalhos. Quer chegar aos 200

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O VIII Congresso Ibérico de Ciências Hortícolas, que decorrerá de 7 a 10 de Junho, no Centro de Congressos de Coimbra, localizado no Convento de São Francisco, já recebeu 126 resumos de trabalhos, mas a organização quer atingir os 200.

O Congresso, organizado pela APH – Associação Portuguesa de Horticultura, incentiva os profissionais e técnicos a enviar os seus trabalhos científicos, até 15 de Abril (aqui), que estejam ligados às seguintes áreas: horticultura herbácea; fruticultura; viticultura e enologia; olivicultura e azeite; plantas aromáticas e medicinais; horticultura ornamental; pós-colheita e cadeia de abastecimento; horticultura urbana, social e terapêutica; horticultura de precisão; culturas protegidas e engenharia hortícola; melhoramento genético e propagação de plantas; sistemas de cultura sem solo; protecção das culturas; horticultura biológica; e técnicas sustentáveis de produção hortícola.

Reunião de 4 em 4 anos

Este congresso reúne a cada 4 anos a comunidade científica e técnica luso-espanhola que trabalha em Horticultura, incluindo a fruta, hortaliças, vinha, olival, plantas aromáticas e medicinais e plantas ornamentais, constituindo-se como o mais alargado fórum de discussão de ciências hortícolas na Península Ibérica.

A Associação Portuguesa de Horticultura (APH) é uma associação sem fins lucrativos que visa apoiar e fomentar o progresso da Horticultura e contribuir para o aperfeiçoamento científico e técnico dos seus membros, estimulando a cooperação entre eles.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Docapesca investe 180 mil euros para reabilitar Lota da Nazaré

Partilhar            A Docapesca – Portos e Lotas adjudicou a empreitada de reabilitação da Lota da Nazaré …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.