Início / Agenda / Concurso Internacional de Azeite Virgem Extra – Prémio CA Ovibeja recebeu 100 amostras

Concurso Internacional de Azeite Virgem Extra – Prémio CA Ovibeja recebeu 100 amostras

Os elementos do Júri do 11º Concurso Internacional de Azeite Virgem Extra – Prémio CA Ovibeja vão reunir-se nos dias 31 de Março e 1 de Abril para apreciar cerca de uma centena de azeites provenientes dos quatro cantos do Mundo. Presidido por José Gouveia, o Júri conta com cerca de 30 provadores de diferentes países.

A entrega dos prémios aos melhor classificados vai ser feita no decorrer da 38ª Ovibeja, agendada para a semana de 21 a 25 de Abril, numa cerimónia marcada para o dia 23 de Abril, às 12 horas. Uma Feira organizada pela ACOS – Associação de Agricultores do Sul.

O concurso, organizado pela ACOS – Associação de Agricultores do Sul, em colaboração com a Casa do Azeite, é aberto a produtores individuais, associações de produtores, cooperativas e empresas de embalamento devidamente registadas, tanto nacionais como internacionais, de qualquer país produtor de azeite.

São cinco as categorias colocadas em sufrágio: Frutado Verde Intenso, Frutado Verde Médio, Frutado Verde Ligeiro e Frutado Maduro pertencentes à campanha 2021/2022. Uma nova categoria foi aberta aos países do hemisfério sul que podem concorrer com azeites da campanha de 2020/2021, por causa da diferença na época da apanha.

A cerimónia da entrega dos prémios acontece a seguir ao seminário da responsabilidade da ACOS sobre “Como Alimentar o Planeta?” com início previsto para as 10h30 do dia 23.

O melhor do Mundo

Relembre-se que a excelência do 11º Concurso Internacional de Azeite Virgem Extra – Prémio CA Ovibeja subiu de novo ao pódio, com a classificação do concurso como o melhor do Mundo no ranking “World’s Best Olive Oils”.

O Concurso da Ovibeja, o único em Portugal com abrangência internacional, mantém-se no grupo 1 dos melhores do mundo com a pontuação máxima: cumpre os requisitos do Ranking (20 pontos) a que se junta pontuação adicional por cumprir exigências suplementares relacionadas com o rigor e objectividade usados na autenticação das amostras concorrentes.

Os azeites concorrentes ao concurso da Ovibeja — a decorrer de 21 a 25 de Abril, em Beja — são ainda submetidos a uma análise química e a uma análise organolética feita por um painel de prova reconhecido pelo Conselho Oleícola Internacional (COI).

Criado em 2012 pelo conceituado provador alemão, Heiko Schmidt, com base nos resultados dos principais concursos de azeite virgem extra do Mundo, e tendo como referência o concurso Mario Solinas, da responsabilidade do COI, o ranking “World’s Best Olive Oils” veio contribuir para a alteração do método de pontuação dos concursos realizados, introduzindo critérios de máximo rigor e autenticidade.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

IFAP paga 119 M€ de apoios aos sectores agroflorestal e das pescas em Setembro

Partilhar              O Ministério da Agricultura e da Alimentação informa que, no final do mês de Setembro …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.