Início / Agricultura / Comércio agroalimentar da UE cresce 25% em Janeiro de 2022

Comércio agroalimentar da UE cresce 25% em Janeiro de 2022

Os dados mais recentes sobre o comércio agroalimentar da União Europeia (UE) hoje publicados, 3 de Abril, mostram que o valor total do comércio agroalimentar atingiu um montante de 28,3 mil milhões de euros em Janeiro de 2022, um aumento de 25% em comparação com o mesmo período do ano passado.

As exportações atingiram 15,8 mil milhões de euros, enquanto as importações foram avaliadas em 12,5 mil milhões de euros, o que representa aumentos de 16% e 38%, respectivamente, refere uma nota de imprensa da Comissão Europeia.

Os maiores aumentos das exportações registaram-se para o Reino Unido e os Estados Unidos, que, juntamente com a China, representam 40% de todas as exportações agroalimentares da UE.

As principais fontes de importações agroalimentares em Janeiro de 2022 foram os Estados Unidos e o Brasil, seguidos do Reino Unido e da Ucrânia. Estes quatro países representam 35% de todas as importações agroalimentares na UE.

O maior aumento verificou-se nas importações provenientes do Reino Unido, que cresceram 137%, atingindo um valor superior a 1.000 milhões de euros, com um crescimento particularmente forte das importações de vinho e produtos vinícolas, bem como de aves de capoeira e ovos.

Antes da invasão russa da Ucrânia, as importações provenientes da Ucrânia tinham aumentado 88%, em termos homólogos, em Janeiro de 2022, atingindo um valor de 1.000 milhões de euros. Tal deveu-se principalmente às importações de cereais, que cresceram 258 milhões de euros (136%).

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

2.º Fórum da Agropecuária Biológica AçoresBio arranca a 20 de Maio no Faial

Partilhar              O 2.º Fórum da Agropecuária Biológica AçoresBio – este ano AçoresBio22 – arrancará na Ilha …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.