Início / Agricultura / Chuva: Produtores de tomate estimam quebras de produção até 35%

Chuva: Produtores de tomate estimam quebras de produção até 35%

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

As chuvas de Maio e a redução do preço do tomate na indústria estão a preocupar os produtores, que estimam quebras de produção entre os 20% e os 35%, diz a Torriba. A campanha do tomate iniciou-se no dia 1 de Agosto e vai prolongar-se até ao dia 15 de Outubro.

Gonçalo Escudeiro, dirigente da Torriba, organização de produtores de hortofrutícolas, afirmou à Lusa que as “más condições climatéricas” que se registaram durante o mês de maio atrasaram em 15 dias o início da campanha do tomate (iniciou-se na segunda-feira), situação que está a deixar os produtores desta fruta “muito preocupados”.

“Tivemos chuvas que nos fizeram atrasar a campanha e dificultaram e muito a nossa actividade. Os produtores estimam quebras de produção entre os 20 e os 35%. Uma quebra muito significativa”, apontou, segundo cita o site da Confagri – Confederação Nacional das Cooperativas Agrícolas de Portugal.

O responsável referiu que para “minimizar” os estragos causados pela chuva os produtores tiveram de levar a cabo investimentos “significativos”, que fizeram subir os custos de produção “no mínimo em 10%”.

Redução do preço na indústria

“A juntar a isto verificou-se uma redução do preço na indústria entre 5% e os 6%. Face a isto, os produtores iniciam esta campanha numa situação muito difícil e fragilizada”, apontou.

Nesse sentido, Gonçalo Escudeiro defendeu a necessidade de existir tanto do lado da indústria do sector como do Governo uma maior atenção aos problemas dos produtores.

“Ainda há pouco tempo o Ministério da Agricultura penalizou os produtores com uma redução dos valores que atribuíam nos prémios do seguro. Isso implica um aumento de 11% no custo do seguro”, lamentou.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

PME austríaca procura fornecedores de couve-flor e brócolos ultracongelados

Partilhar            Uma pequena e média empresa (PME) austríaca, que produz e comercializa vegetais orgânicos, frescos e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.