Início / Mar / Aquacultura / Chinesa Stonechen avança com projecto de pesca e aquacultura em Moçambique

Chinesa Stonechen avança com projecto de pesca e aquacultura em Moçambique

Moçambique vai ver nascer o maior projecto de pesca e aquacultura. Trata-se de um projecto liderado pela empresa chinesa Stonechen Comercial – Produtos de Pesca de Moma, avaliado em 87,94 milhões de euros que deverá estar concluído até ao final de 2019.

Segundo a Agência de Informação de Moçambique (AIM), o porta-voz da empresa, Mussa Sarajabo, explicou que a empresa, que dista cerca de 250 quilómetros da cidade de Nampula, capital provincial, está instalada em Moma há nove anos e que 75% das obras já foram concluídas.

85 embarcações

Segundo Sarajabo, a empresa irá operar com 85 embarcações, sendo 60 de pesca semi-industrial e as restantes de pesca industrial.

Cerca de 70% do pescado destina-se ao mercado internacional e o remanescente para consumo nacional.

“Estamos em Moma há nove anos e, para além desta fábrica de processamento, o complexo inclui um porto de pesca e uma fábrica de rações”, disse.

O projecto emprega 2.000 pessoas e processa camarão, lagosta e caranguejo. Quando iniciar a produção, em Outubro, a empresa chinesa que possui estaleiros na cidade da Beira, espera produzir diariamente cerca de 20 toneladas de diferentes frutos do mar.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

Prio anuncia as três startups vencedoras do Jump Start 2022

Partilhar              A Prio acaba de anunciar as três startups vencedoras do Jump Start 2022, o programa …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.