Início / Agricultura / Chega, PSD e PS visitam Feira Nacional de Agricultura em dia de entrada livre

Chega, PSD e PS visitam Feira Nacional de Agricultura em dia de entrada livre

A FNA 22 – Feira Nacional de Agricultura/Feira do Ribatejo, que decorre até 12 de Junho, no Centro Nacional de Exposições, em Santarém, e que tem como tema a “Inovação e Tecnologia”, foi hoje, 6 de Junho, palco de vários seminários e recebeu a visita do presidente do Chega, André Ventura, do recém eleito presidente do Partido Social Democrata (PSD), Luís Montenegro, e do presidente do Grupo Parlamentar do Partido Socialista (PS), Eurico Brilhante Dias.

O presidente do Chega, André Ventura, afirmou que a sua presença na FNA 22 é “uma forma de apoiar a agricultura e os agricultores portugueses. A agricultura é um sector muito importante e deve ser estratégica para o País.” Quando existe um evento desta dimensão “é obrigação dos responsáveis politic0s estarem presentes.”

Para aquele responsável, “a FNA 22 demonstra que a agricultura é inovadora e que se tem desenvolvido no campo tecnológico, com sistemas de mapeamento, GPS, drones, máquinas inteligentes, etc,”. Só a aposta nos “recursos humanos e no desenvolvimento tecnológico permite criar riqueza e valor acrescentado para se exportar mais e criar mais-valias” acrescentou.

Autonomia na produção de cereais

Ainda à margem da visita à FNA 22, André Ventura, disse que “o Governo deve criar uma política de autonomia na produção de cereais. As medidas previstas no Orçamento de Estado devem ser antecipadas não só no sector dos cereais, mas também no gasóleo agrícola com o IVA a baixar para os 6%”.

Já Luís Montenegro, recém eleito presidente do PSD, que também esteve presente na Feira Nacional de Agricultura disse que é necessário “colocar a agricultura no centro das prioridades do País.” A realização da FNA 22 demonstra o “importante que é investir no sector primário e congregar uma agricultura produtiva e inovadora com as melhores técnicas ambientais e de sustentabilidade”. “No momento em que se fala cada vez mais de soberania alimentar não poderia ser mais oportuno a realização desta feira”, acrescentou.

Relativamente às declarações de sábado da ministra da Agricultura, Maria do Céu Antunes, que anunciou a ambição de duplicar a produção nacional de cereais, declarou que “um objectivo ambicioso é uma boa maneira de implementar uma politica.”

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Confagri lança série de 5 vídeos sobre “As Cooperativas e a Inovação na Agricultura”

Partilhar              A Confagri – Confederação Nacional das Cooperativas Agrícolas e do Crédito Agrícola de Portugal quer …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.