Início / Agricultura / Capoulas Santos aprova a recuperação de 5 regadios tradicionais na Região Norte

Capoulas Santos aprova a recuperação de 5 regadios tradicionais na Região Norte

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos, homologou os projectos de recuperação de 5 regadios tradicionais, situados na Região Norte. Um investimento de 400 mil euros para beneficiar 170 explorações.

Trata-se do Regadio do Soutelo, no concelho de Águeda, do Regadio de Montedouro e da Foz, do Regadio da Vizinhança da Balança, do Regadio da Levada de Cima de Cabaninhas, em Terras de Bouro, e do Regadio da Levada de Enxurigo, no Concelho de Amares.

Eficiência do uso da água

A estes projectos corresponde um investimento público global de cerca de 400 mil euros, que beneficia 170 explorações, numa área de 100 hectares, com o objectivo de “recuperar e de tornar estas estruturas mais eficientes no uso da água”, explica um comunicado do Gabinete de Capoulas Santos.

Eleva-se assim para 325 o número de projectos aprovados no âmbito do Programa Nacional de Regadios (PNRegadios), a que corresponde um financiamento público de 347 milhões de euros a fundo perdido, que será executado até 2023.

Mitigação dos efeitos das alterações climáticas

O PNRegadios, cuja primeira fase está já em execução, visa a mitigação dos efeitos das alterações climáticas sobre a agricultura, dotando o país de mais reservas de água e de melhores e mais eficientes sistemas de aproveitamento.

Outro dos objectivos deste Programa é o aumento da produtividade e da competitividade da agricultura nacional, contribuindo para o aumento das exportações e para a substituição de importações por produção nacional.

Até 2023 deverá estar concluída primeira parte do PNRegadios, com a criação de 100 mil novos hectares de regadio, a que corresponde um investimento público de 560 milhões de euros e a criação de mais de 10.500 novos postos de trabalho permanentes.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Isabel Carvalhais: “Estratégia para o sector agrícola e agroalimentar exige relevância e meios reforçados”

Partilhar            A Comissão Europeia apresenta amanhã, 27 de Maio, a revisão de propostas para o Quadro …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.