Início / Agricultura / Campanha “Portugal chama” avança para reduzir risco de incêndios rurais graves

Campanha “Portugal chama” avança para reduzir risco de incêndios rurais graves

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O objectivo da campanha é mobilizar os portugueses para a mudança de comportamentos antes do Verão chegar, sublinhando que está nas mãos de todos contribuir para um Portugal protegido de incêndios rurais graves.

O presidente da Agência para a Gestão Integrada dos Fogos Rurais, Tiago Oliveira, anunciou o lançamento de uma Campanha Nacional de Mobilização intitulada “Portugal chama. Por si! Por todos!”, em conferência de imprensa em Lisboa.

“Portugal chama” é a Campanha Nacional que integra a participação de todas as áreas governativas e serviços tutelados envolvidos na prevenção e combate aos incêndios rurais e que irá para o ar no dia 25 de Janeiro, na televisão, rádio, imprensa, digital e publicidade de rua.

Apelo à acção

“Portugal chama”, mais do que uma campanha, é um apelo à acção, que lança um desafio a cada um dos portugueses para que se mobilizem e contribuam para um País protegido de incêndios rurais graves.

“O perigo está presente e cabe a todos agir até ao Verão, limpando os terrenos, cuidando da terra e da floresta, realizando as queimas de forma correta, cadastrando os terrenos, protegendo as aldeias e alertando para comportamentos de risco”, refere fonte governamental.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Corteva anuncia plano global de sustentabilidade com 14 compromissos para a próxima década

Partilhar            A Corteva Agriscience, empresa de referência no sector agrícola em tecnologia de sementes, protecção de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.