Início / Agricultura / Campanha de desinformação? CAP repudia acusações do PAN e desafia Inês Sousa Real a provar o que diz

Campanha de desinformação? CAP repudia acusações do PAN e desafia Inês Sousa Real a provar o que diz

A porta-voz do PAN – Pessoas-Animais-Natureza disse, em plena acção de campanha eleitoral, que há uma “campanha de desinformação promovida pela CAP”. A Confederação dos Agricultores de Portugal diz que as acusações “são insultuosas e inaceitáveis e põem em causa a comunicação social e a liberdade de escrutinar e de informar”.

“Está à vista de todos que a líder do PAN está a referir-se às notícias que evidenciam flagrantes contradições entre as suas posições públicas e os seus negócios privados. O que a líder do PAN apelida de “campanha de desinformação” tem um nome: chama-se jornalismo”, garante a direcção da Confederação.

Em comunicado, a CAP diz que a líder do PAN, “o que está a fazer com as suas declarações, é a pôr em causa o papel da comunicação social e a liberdade de escrutinar e de informar. As notícias que evidenciam as insanáveis incoerências entre a sua vida pública e os seus negócios privados são da responsabilidade dos jornalistas que as assinam. Dizer que a CAP promove uma campanha de desinformação não só é mentira, como é insultuoso para a comunicação social”.

“Era o que faltava que a CAP não pudesse ter uma posição sobre factos publicados na comunicação social, designadamente sobre factos que noticiam que a líder de um partido anti-agricultura pratica em empresas às quais está ligada o tipo de agricultura que em público condena! Chamar a isso “campanha de desinformação” é um absurdo. Contudo, porque fez essas declarações, insultando a CAP directamente e os jornalistas de forma velada, exige-se que prove o que diz”, salienta o mesmo comunicado.

E realça a direcção da Confederação: “que fique claro: a CAP não promove campanhas de desinformação contra nenhuma instituição ou pessoas. Esta é uma acusação totalmente infundada, que merece repúdio, e que apenas visa ganhar mais uns minutos de atenção mediática e de protagonismo à custa da CAP. A CAP é uma instituição digna, que representa interesses sectoriais legítimos, é um parceiro social com assento no Conselho Económico e Social e não aceita de ânimo leve acusações deste teor, que são graves. É mentira que a CAP tenha promovido qualquer campanha de desinformação”.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

2.º Fórum da Agropecuária Biológica AçoresBio arranca a 20 de Maio no Faial

Partilhar              O 2.º Fórum da Agropecuária Biológica AçoresBio – este ano AçoresBio22 – arrancará na Ilha …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.