Início / Agricultura / Câmara de Montalegre entrega 50 mil euros para exploração de pequenos ruminantes

Câmara de Montalegre entrega 50 mil euros para exploração de pequenos ruminantes

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Câmara Municipal de Montalegre, em articulação com a Cooperativa Agrícola do Barroso (Coopbarroso), volta a incentivar a produção pecuária do concelho. Desta feita, foram atribuídos cerca de 50 mil euros à exploração de pequenos ruminantes (caprinos e ovinos).

Foi ainda anunciado que o aparecimento de uma nova exploração recebe 4.000 euros. A cerimónia, informal devido à crise epidémica da Covid-19, foi feita esta manhã no interior do Pavilhão Multiusos.

Para o presidente da Câmara de Montalegre, Orlando Alves, “este subsídio aparece na linha de continuidade daquilo que temos vindo a fazer. Recordo que já distribuímos o apoio ao nascimento de espécies de raça autóctone barrosã; apoiamos a Cooperativa na produção de batata de semente e nas restantes actividades que promove e desenvolve ao longo do ano; temos um alto investimento na Feira do Fumeiro”.

Orlando Alves acrescentou ainda que este “é um apoio a uma actividade bonita, muito interessante, também muito cansativa e punitiva, sobretudo nos dias de Inverno. É uma actividade rentável que podia ser aproveitada pela generalidade dos residentes no concelho de Montalegre. Na área dos pequenos ruminantes, ninguém tem a nossa capacidade. Estamos convencidos que este é o caminho, isto é, apostarmos naquilo que nós somos”.

“Subsídio é fundamental para a sobrevivência destas explorações familiares”

Por sua vez, o presidente da Cooperativa Agrícola do Barroso, Nuno Sousa, disse que este “subsídio é fundamental para a sobrevivência destas explorações familiares. Foram distribuídos 50 mil euros para 42 explorações agrícolas de pequenos ruminantes. A ideia do subsídio é manter os efectivos. Foi dado um valor de 4.000 euros por exploração nova. Este ano houve em Cabril, Sabuzedo e em Montalegre. Mal esteja entregue o processo na Cooperativa, o dinheiro entra na conta dos agricultores”.

O presidente do município de Montalegre frisou ainda: “somos agricultura de qualidade, pecuária de excelentíssima qualidade e somos floresta. Apostar nestes três vectores é reforçar a nossa identidade. Aproveito para felicitar os produtores pecuários que se dedicam a esta actividade. Expresso aqui o reconhecimento do município. Também uma palavra à Coopbarroso que tem feito um trabalho notável”.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Inovação e estratégia para a fruticultura nacional: Crédito Agrícola patrocina Congresso Frutos 2020

Partilhar            O Crédito Agrícola é parceiro do Congresso Frutos 2020, este ano dedicado ao tema “Inovação …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.