Início / Agricultura / Caça à rola-comum na época venatória de 2020-2021 só tem 4 dias

Caça à rola-comum na época venatória de 2020-2021 só tem 4 dias

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A caça à rola-comum na época venatória de 2020-2021 foi restringida a 4 dias. Apenas é permitida nos dias 23 e 30 de Agosto e nos dias 6 e 13 de Setembro de 2020, durante o período da manhã, até às 13 horas.

A decisão governamental, através da Portaria n.º 133/2020, subscrito pelas principais associações de caça, é explicada pelo facto de “as populações de rola-comum (Streptopelia turtur) têm apresentado um decréscimo significativo ao longo dos últimos anos, não obstante as medidas de protecção já tomadas, como a redução dos quantitativos diários a abate, pelo que importa reforçar estas medidas”.

Associações de caçadores assinam Memorando de Entendimento

A Portaria resulta de um Memorando de Entendimento para a Preservação e Recuperação da rola-comum, subscrito pelas três organizações de 1.º nível do sector da caça (Fencaça — Federação Portuguesa de Caça; ANPC — Associação Nacional de Proprietários Rurais, Gestão Cinegética e Biodiversidade; e CNCP – Confederação Nacional dos Caçadores Portugueses), pelas seis organizações não governamentais do ambiente (ANP – Associação Natureza Portugal; FAPAS – Fundo para a Protecção dos Animais Selvagens; GEOTA – Grupo de Estudos do Ordenamento do Território e Ambiente; LPN – Liga para a Protecção da Natureza; Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza; e SPEA – Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves), pelo Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), e pelo Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (INIAV).

O documento, assinado pelo secretário de Estado da Conservação da Natureza, das Florestas e do Ordenamento do Território, João Catarino, entra em vigor no dia 1 de Junho de 2020 e pode ser lido na íntegra aqui.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Comportamento emocional em organismos-modelo aquáticos revisto por investigadores da Universidade de Évora

Partilhar            Os investigadores do Centro de Ciências do Mar e do Ambiente (MARE-UE) da Universidade de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.