Início / Mar / Ambiente / Blue Azores chega à Graciosa para debater Áreas Marinhas Protegidas

Blue Azores chega à Graciosa para debater Áreas Marinhas Protegidas

O Programa Blue Azores, liderado pelo Governo Regional dos Açores e centrado na conservação e no uso sustentável dos recursos marinhos, vai estar na Ilha Graciosa para dar continuidade ao processo participativo direccionado às áreas costeiras do arquipélago.

No dia 6 de Março, segunda-feira, às 17h00, na Sala de Exposições da Biblioteca Municipal de Santa Cruz da Graciosa decorrerá uma sessão aberta ao público para apresentar o programa Blue Azores e esclarecer todos os que quiserem saber mais sobre este processo participativo.

No dia seguinte, dia 7 de Março, no mesmo local às 09h30, será realizada uma segunda reunião com vários parceiros convidados, que representam os utilizadores do mar da ilha Graciosa.

Esta é mais uma etapa crucial para alcançar o objectivo final de proteger 30% do Mar dos Açores, num processo que pretende ter a participação activa de todos os utilizadores do mar dos Açores, refere uma nota de imprensa do Executivo açoriano.

A Ilha Graciosa, que em Setembro de 2007 passou a fazer parte da Rede Municipal de Reservas da Biosfera da Unesco pelas características ambientais patrimoniais e culturais únicas, é um ponto especialmente importante neste processo, acrescenta a mesma nota.

E realça que “os seus ilhéus constituem importantes habitats de nidificação para aves marinhas, além de constituírem áreas de descanso e passagem de aves migratórias. A Graciosa é detentora de uma orla costeira facilmente acessível, a partir dos seus inúmeros portinhos tradicionais. Tem um fundo marinho particularmente belo, que importa preservar e tem vindo a destacar-se como um exemplo de procura de actividades económicas ambientalmente sustentáveis, como o mergulho recreativo”.

“Estabelecer a forma como podemos proteger todo este património de forma eficiente e duradoura é o objectivo dos encontros organizados pelo Blue Azores”.

Garante o Governo Regional que este processo participativo será realizado ao longo de 2023 em todas as ilhas do arquipélago, estando previstas várias reuniões por ilha. O objectivo é garantir a participação da população na definição conjunta das áreas costeiras que integrarão a rede de áreas marinhas protegidas dos Açores. Pretende-se que os utilizadores do mar costeiro estejam envolvidos neste processo desde o seu início, de forma representativa, através das associações e instituições que existam em cada ilha.

O Programa Blue Azores visa proteger, promover e valorizar o capital natural do mar dos Açores, com base no melhor conhecimento científico, em colaboração com a Universidade dos Açores.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Boletins com Recomendações de Rega do Milho. Semana de 13 a 29 de Maio de 2024

Partilhar              A Anpromis — Associação dos Produtores de Milho e Sorgo de Portugal informa que estão …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.