Início / Agricultura / Bielorrússia proíbe importações da UE de carne, leite frutas e legumes a partir de 1 de Janeiro de 2022

Bielorrússia proíbe importações da UE de carne, leite frutas e legumes a partir de 1 de Janeiro de 2022

O governo da Bielorrússia acaba de anunciar as suas retaliações contra as sanções ocidentais com a proibição de importação de alimentos provenientes da União Europeia (UE) e dos Estados Unidos, além de outros países. A proibição entra em vigor a 1 de Janeiro de 2022.

O presidente do conselho de ministros da Bielorrússia, Raman Golovchenko, assinou um decreto governamental que proíbe a importação de um grupo de mercadorias para o país, a fim de “garantir a protecção dos interesses nacionais da República da Bielorrússia”, avança o serviço da RFE/RL para a Bielo-Rússia. É a resposta à imposição de sanções contra o regime de Lukashenko.

No entanto, as mercadorias em causa podem ser importadas para a Bielorrússia por particulares para consumo pessoal, bem como por produtores para processamento.

O decreto lista produtos originários da União Europeia e seus Estados-membros, Estados Unidos, Canadá, Reino da Noruega, República da Albânia, República da Islândia, República da Macedónia do Norte, Reino Unido e Irlanda do Norte e Montenegro.

A lista de produtos proibidos inclui:

  • porcos vivos
  • carne de bovino, fresca ou congelada
  • carne congelada
  • subprodutos de gado e outros animais (incluindo porcos, ovelhas, cabras, burros)
  • carne de aves e miudezas
  • carne salgada, em salmoura, seca e defumada, farinha de carne e miudezas
  • leite e produtos lácteos, excepto produtos sem lactose
  • vegetais diferentes dos usados ​​para semear
  • frutas frescas e nozes
  • gordura de porcos, aves, ovelhas e cabras, estearina de banha e outros óleos animais
  • salsichas e produtos semelhantes
  • confeitaria (excepto cacau em pó)
  • sal

As excepções são feitas para alimentos para bebés e alimentos dietéticos (para produtos lácteos).

Relembre-se que no passado dia 2 de Dezembro, a União Europeia impôs o quinto pacote de sanções contra a Bielorrússia. Poucos dias depois, novas restrições foram impostas pelos Estados Unidos.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

APDEA faz X Congresso na Escola Superior Agrária de Coimbra

Partilhar              O X Congresso da Associação Portuguesa de Economia Agrária (APDEA) e o IV Encontro Lusófono …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.