Início / Mar / Ambiente / Betclic entra na produção de conteúdos com curta-metragem “Rastro” sobre poluição de plástico nos oceanos

Betclic entra na produção de conteúdos com curta-metragem “Rastro” sobre poluição de plástico nos oceanos

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Betclic lança hoje, 4 de Fevereiro, “Rastro”, uma curta metragem realizada por Bruno Ferreira e João Lourenço, que assinala a estreia da marca enquanto produtora de conteúdos. Disponível em www.rastrofilme.pt a partir do próximo das 19 horas, a curta metragem vai poder ser vista por todos.

Com Vicente Wallenstein como actor principal e com Bruno Ferreira e João Lourenço como realizadores, Rastro é a história de um jogador amador de futebol do Clube de Futebol de Setúbal, que concilia o desporto com a sua profissão de pescador em part-time, onde ajuda o pai.

É durante a sua actividade profissional e amadora que Hélder Bruno (Vicente Wallenstein) toma consciência de que o plástico é omnipresente no dia-a-dia. Hélder decide, assim, por iniciativa própria, ir apanhar lixo da praia da Mitrena, sozinho. Ao assistir a esta situação, o seu treinador faz com que toda a sua equipa se junte a Hélder neste combate contra a poluição.

A realidade é que o plástico já faz parte do nosso dia-a-dia. Por ano, são produzidos 360 milhões de toneladas de plástico descartável, sendo que 10 milhões de toneladas acabam por ir directamente para os oceanos. A importância do correcto encaminhamento destes plásticos ganha outro impacto quando verificamos que um saco de plástico leva 20 anos a decompor-se, uma palhinha demora 200 anos e uma garrafa de plástico 400 anos e alguns destes utensílios feitos de plástico nem conseguem ser absorvidos pelo meio ambiente.

A nossa saúde também é posta em causa por este excesso de plástico pois já existem alguns cientistas que confirmam a presença de microplásticos em humanos que acabam por ingeri-los inconscientemente através da sua alimentação.

Parceria com a Casper Films

O lançamento desta curta-metragem, em parceria com a Casper Films, vem no seguimento do trabalho que a Betclic tem feito na promoção da sustentabilidade do desporto, assente também na preservação do meio ambiente e dos ecossistemas.

No ano passado, a Betclic lançou o projecto “Futebol Bonito 2020” que doou equipamentos principais e alternativos a 20 clubes amadores, juntando a esta doação um saco de lavagem de equipamentos que permitia filtrar 85% das microfibras que se vão soltando ao longo da lavagem e que são responsáveis pela maioria dos microplásticos que encontramos nos nossos oceanos.

Para Miguel Domingues, director de comunicação da Betclic, “no seguimento do projecto “Futebol Bonito 2020” achámos que fazia sentido ir mais longe e juntar a capacidade do cinema e da arte em questionarem e contar histórias à capacidade do desporto em influenciar e gerar mudanças. O “Rastro” marca a estreia da Betclic na produção de conteúdos da maneira certa: contando histórias poderosas e que inquietam. Sem planeta não há desporto e cabe-nos fazer tudo ao nosso alcance para ajudar a mudar mentalidades e provocar uma mudança positiva na comunidade”.

Agricultura e Mar Actual

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Verifique também

Agricultores do distrito de Leira marcam manif em Lisboa para 14 de Junho, dia de reunião de ministros da Agricultura da UE

Partilhar            A União dos Agricultores do Distrito de Leira (UADL) e a Confederação Nacional da Agricultura …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.