Início / Agricultura / Bayer Agriculture fica com as 28 autorizações de alimentos geneticamente modificados da Monsanto

Bayer Agriculture fica com as 28 autorizações de alimentos geneticamente modificados da Monsanto

A Comissão Europeia informa que a Bayer Agriculture BVBA, com sede na Bélgica, fica com as 28 autorizações de alimentos geneticamente modificados da Monsanto.

Segundo a Decisão de Execução 2019/1579 da Comissão, 18 de Setembro de 2019, a Monsanto Europe, com sede na Bélgica, é representante da Monsanto Company, com sede nos Estados Unidos da América, no que diz respeito a 28 autorizações para a colocação no mercado de alimentos e rações contendo produtos geneticamente modificados.

Por carta de 27 de Agosto de 2018, a representante na União da Monsanto Company, a Monsanto Europe, informou a Comissão de que modificou a sua forma jurídica e alterou o seu nome para Bayer Agriculture BVBA, Bélgica.

Por carta de 4 de Setembro de 2018, a Comissão informou a Bayer Agriculture de que as autorizações em causa teriam de ser alteradas em conformidade.

Decisões de autorização de natureza meramente administrativa

Diz a Comissão que as alterações propostas às decisões de autorização “são de natureza meramente administrativa e não implicam uma nova avaliação dos produtos em causa”. As medidas previstas na presente decisão estão em conformidade com o parecer do Comité Permanente dos Vegetais, Animais e Alimentos para Consumo Humano e Animal.

Pode ler a Decisão completa da Comissão aqui.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

IFAP paga 119 M€ de apoios aos sectores agroflorestal e das pescas em Setembro

Partilhar              O Ministério da Agricultura e da Alimentação informa que, no final do mês de Setembro …

2 comentários

  1. “…28 autorizações para a colocação no mercado de determinados géneros alimentícios e alimentos para animais geneticamente modificados.”

    Julgo que quererão dizer “alimentos e rações contendo produtos geneticamente modificados” e não “…alimentos para animais geneticamente modificados”.

    É que escreve bem português pode evitar equívocos que podem ser maçadores. O que se lê é que os alimentos aprovados são para alimentar animais geneticamente modificados…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.