Início / Agricultura / Balcão Único do Prédio quer “ser peça fundamental no combate aos incêndios rurais”

Balcão Único do Prédio quer “ser peça fundamental no combate aos incêndios rurais”

A ministra da Justiça, Catarina Sarmento e Castro, acompanhou o primeiro-ministro, António Costa, numa visita ao Balcão Único do Prédio (BUPi) de Vila de Rei, durante a qual foi apresentado um balanço desta plataforma de reconhecimento do território nacional, criada para colmatar um generalizado desconhecimento da localização geográfica, da geometria e da titularidade dos prédios rústicos.

Criado em 2017, o BUPi começou como um projecto-piloto que abrangia 10 municípios. “Devido ao seu sucesso, foi sendo alargado ao território nacional e hoje contempla 140 municípios”, refere fonte governamental acrescentendo que deve “ser peça fundamental no combate aos incêndios rurais”.

Na mesma visita, o primeiro-ministro alertou para a importância de se registarem os terrenos para diminuir risco de incêndio. O registo da propriedade “é absolutamente fundamental se nós quisermos transformar estruturalmente a floresta”, pois “só transformando estruturalmente a floresta é que nós vamos diminuir, de uma forma sustentada, o risco de incêndio”.

Cerca de 90% dos municípios que não dispõem de cadastro predial já integram o BUPi, tendo sido identificadas mais de 550 mil propriedades com recurso a esta plataforma e inscritas 550 mil matrizes.

“O contributo do cidadão é fundamental para esta missão, com 95 mil pessoas a recorrerem ao BUPi, desde 2017, para registarem as suas propriedades», refere o Ministério da Justiça.

O Balcão Único do Prédio cobre uma área de mais de 37 mil quilómetros quadrados, correspondente a um conjunto de municípios com mais de 4,2 milhões de pessoas.

Recentemente foi lançada uma aplicação móvel, disponível para download gratuito na App Store e na Google Play Store, que permite a técnicos, cidadãos e outros utilizadores identificar as propriedades com a ajuda de telemóveis ou tablets, bastando, para isso, que se desloquem ao terreno e marquem os respectivos vértices através da aplicação.

 

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Investigadores do Politécnico de Leiria estudam produção sustentável de papaias em aquaponia

Partilhar              Um grupo de investigadores do pólo de investigação do LSRE-LCM no Instituto Politécnico de Leiria …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.