Início / Agricultura / Altri produz 1.042 mil toneladas de pasta e lucra 96,1 milhões de euros em 2017

Altri produz 1.042 mil toneladas de pasta e lucra 96,1 milhões de euros em 2017

A Altri, conglomerado português de referência mundial na produção de pasta de eucalipto e na gestão florestal, produziu 1.042 mil toneladas de pasta em 2017, tendo fechado o exercício com receitas totais de 665,8 milhões de euros e um resultado Líquido de 96,1 milhões, mais 24,8% que no ano anterior.

As receitas totais da Altri atingiram 665,8 milhões de euros, valor que corresponde a um aumento de 8,7% face a 2016, em virtude da maior capacidade de produção demonstrada pela empresa em 2017, tendo ultrapassado 1,042 milhões de toneladas produzidas, das quais 105,4 mil de pasta solúvel.

Perfil exportador

A Altri reforçou o seu perfil exportador ao colocar nos mercados externos 90% do total da sua produção, refere um comunicado da empresa. O principal destino das vendas da Altri continua a ser a Europa, que excluindo Portugal representou 70% das vendas, ou seja, cerca de 739 mil toneladas. O segundo mercado mais relevante foi a China, sendo o destino de 10% do total das vendas.

Produtores de papel tissue, os principais clientes

Em termos de utilização da pasta os produtores de papel tissue são os principais clientes da Altri com uma quota de 50%, seguindo-se os produtores de papel gráfico de impressão e escrita e os produtores de especialidades, com quotas de mercado de 21% e 19%, respectivamente.

Os produtores de filamentos de viscose – consumidores de pasta DWP – representam cerca de 9% das vendas.

Em 2017, a empresa realizou investimentos de 82,2 milhões de euros. A empresa sublinha que o montante de investimento para o ano de 2018 será significativamente inferior ao montante investido em 2017.

Renováveis de base florestal

A Altri é um produtor europeu de referência de pasta de eucalipto. Para além da produção de pasta, o Grupo está também presente no sector de energias renováveis de base florestal, nomeadamente a co-geração industrial através de licor negro e a biomassa.

A estratégia florestal assenta no aproveitamento integral de todos os componentes disponibilizados pela floresta: pasta, licor negro e resíduos florestais.

Actualmente, a Altri gere cerca de 84 mil hectares de floresta em Portugal, integralmente certificada pelo Forest Stewardship Council (FSC)1 e pelo Programme for the Endorsement of Forest Certification (PEFC), dois dos mais reconhecidos mecanismos de certificação florestal a nível mundial.

3 fábricas de pasta em Portugal

A Altri detém 3 fábricas de pasta em Portugal, com uma capacidade instalada que, em 2017, superou 1 milhão de toneladas/ano de pastas de eucalipto.

O Grupo Altri, através das suas subsidiárias Celbi e Celtejo, celebrou com o Estado Português, representado pela AICEP, no início de 2017, dois contratos de investimento considerados de interesse estratégico para o País pela inovação introduzida, pela criação e qualificação de postos de trabalho e ainda pelo desenvolvimento das regiões de implantação das unidades industriais, tendo sido concedidos incentivos financeiros e fiscais aos projectos em questão.

Projecto de 40 milhões de euros

O montante do investimento contratado na Celbi foi de 40 milhões de euros e tem por finalidade melhorias ao nível do processo produtivo, nomeadamente no descasque e destroçamento de madeira e na lavagem e branqueamento de pasta.

Na Celtejo o montante do investimento contratado foi de 85 milhões de euros e tem como objectivo a inovação e a sustentabilidade económica e ambiental da unidade fabril com intervenções ao nível da caldeira de recuperação, instalação de redução de vapor e estação de tratamento de águas residuais industriais.

Agricultura e Mar Actual

 
       
   
 

Verifique também

Recolha de leite de vaca cai 1,4% em Novembro de 2021

Partilhar               A recolha de leite de vaca em Novembro de 2021 foi de 144,5 mil …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.