Início / Agricultura / Albergaria-a-Velha cria hotel de insectos

Albergaria-a-Velha cria hotel de insectos

Em Frossos, no Concelho de Albergaria-a-Velha, insectos “viajantes” encontram um alojamento seguro, onde podem prolongar a sua estadia sem qualquer inconveniência. O “Bug Hotel” (hotel de insectos) é uma das estruturas que integram o Jardim Didáctico que está a nascer no quintal do Centro de Interpretação da Pateira de Frossos, pretendendo ser um local de equilibrada interacção entre animais, plantas e humanos.

Sob a orientação do biólogo Gonçalo Abreu do Centro de Interpretação, grupos de jovens voluntários do Programa Geração Z, do IPDJ, limpam o terreno e removem espécies invasoras no jardim, preparando o espaço para diversos propósitos, refere uma nota de imprensa da autarquia.

Além do hotel de insectos e de um charco já existentes, o local vai conter uma horta biológica, um compostor, um viveiro de árvores (para serem posteriormente plantadas na Pateira de Frossos) e um percurso sensorial, onde os visitantes, descalços, podem voltar a estabelecer um contacto mais profundo com a terra e com as várias sensações que os elementos naturais despertam.

Jardim Didáctico

Avança a autarquia que o Jardim Didáctico “pretende ser um local em constante mutação, um trabalho em progresso, seguindo os ritmos da natureza. E todas as pessoas são convidadas a participar nas tarefas a decorrerem em cada estação, sendo apenas necessário fazer a marcação com os serviços do equipamento municipal”.

O Centro de Interpretação da Pateira de Frossos foi inaugurado a 23 de Abril, sendo o edifício o resultado das obras de requalificação da antiga Casa do Professor. O novo equipamento visa promover a preservação e valorização dos elementos patrimoniais, paisagísticos e ambientais de Frossos, numa lógica de sustentabilidade e com mecanismos que contribuam para a efectiva redução da pegada ecológica local.

Além da componente de preservação ambiental, o Centro de Interpretação pretende ainda desenvolver o turismo sustentável e preservar a memória colectiva local, com a recolha de testemunhos de práticas ancestrais na agricultura e artesanato, que são exemplos da relação de perfeita simbiose entre o ser humano e a natureza.

Centro de Interpretação

Pretendendo ser um espaço dinâmico, o Centro de Interpretação já organizou uma dezena de actividades em menos de dois meses de existência, algumas em colaboração com entidades locais e até estrangeiras. Sessões de observação de aves, passeios interpretativos de valorização da biodiversidade, voluntariado, exposições, e a participação na “Semana sobre Espécies Invasoras 2022: Portugal e Espanha””, onde foram inventariadas 6 espécies só na zona da Pateira de Frossos, são algumas das actividades já realizadas.

Para o Verão, o Centro de Interpretação da Pateira de Frossos tem agendado uma acção de recolha de beatas em parceria com a Associação BioLiving (25 de Junho), uma sessão de astronomia (5 de Agosto) e um passeio de observação de morcegos (28 de Agosto).

Com a criação de um laboratório nas instalações, a autarquia prevê, brevemente, a realização de experiências científicas para diversos públicos; acções de formação/ palestras/ oficinas sobre biodiversidade, sustentabilidade e turismo sustentável são também propostas para um futuro próximo.

O Centro de Interpretação da Pateira de Frossos está aberto ao público de quinta-feira a sábado, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00. É possível visitar as exposições patentes (fotografia, mostra de biodiversidade e miniaturas de madeira sobre tradições locais), conhecer o Jardim Didáctico, fazer a marcação para uma actividade agendada ou até mesmo solicitar a organização de uma actividade à medida.

Os contactos são: 234 098 736 / 910 352 836 ou ci.pateira.frossos@cm-albergaria.pt.

Agricultura e Mar

 
       
   
 

Verifique também

Consulta pública sobre Acordo Comercial UE-Canadá termina a 25 de Abril

Partilhar              A Comissão Europeia tem em curso, até dia 25 de Abril de 2024, uma consulta …

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.